Gen­te

Africa21 - - Aos Leitores -

Ape­nas dois paí­ses afri­ca­nos con­ti­nu­am a re­co­nhe­cer a Re­pú­bli­ca da Chi­na (Taiwan), em de­tri­men­to da Re­pú­bli­ca Po­pu­lar da Chi­na: o Bur­ki­na Fa­so e a Swa­zi­lân­dia. O úl­ti­mo a cor­tar re­la­ções com Tai­pé foi São To­mé e Prín­ci­pe, cu­ja pri­mei­ra-da­ma, a mu­lher do Pre­si­den­te Evaristo de Car­va­lho, é, por iro­nia, de ori­gem taiwa­ne­sa. An­tes de São To­mé e Prín­ci­pe, o úl­ti­mo Es­ta­do afri­ca­no a mu­dar de cam­po ti­nha si­do a Gâm­bia, que rom­peu com Taiwan em 2013, mas que ape­nas foi re­co­nhe­ci­da pe­la Re­pú­bli­ca Po­pu­lar de Chi­na em mar­ço de 2015. Em 1995, ha­via 13 paí­ses afri­ca­nos que man­ti­nham re­la­ções com Taiwan. Mas o cres­cen­te pe­so da eco­no­mia da Re­pú­bli­ca Po­pu­lar da Chi­na não só no mun­do, mas tam­bém em Áfri­ca, fez a ba­lan­ça pen­der ra­pi­da­men­te pa­ra o la­do de Pe­quim. O Go­ver­no da Pre­si­den­te Tsai Ing-wen acu­sou as au­to­ri­da­des san­to­men­ses de se te­rem ren­di­do à «di­plo­ma­cia do che­que ban­cá­rio», o que foi ener­gi­ca­men­te des­men­ti­do, quer por São To­mé quer por Pe­quim. O fac­to é que Pe­quim – que man­ti­nha um es­cri­tó­rio de re­pre­sen­ta­ção em São To­mé des­de 2013 – já pro­me­teu con­ce­der uma aju­da fi­nan­cei­ra ime­di­a­ta ao pe­que­no ar­qui­pé­la­go afri­ca­no lo­ca­li­za­do no Gol­fo da Gui­né e cu­jo prin­ci­pal pro­du­to de ex­por­ta­ção é pre­sen­te­men­te o ca­cau, mas que tem pers­pe­ti­vas ali­ci­an­tes no do­mí­nio do pe­tró­leo e gás. Es­tá tam­bém pre­vis­to um in­ves­ti­men­to de 400 mi­lhões de dó­la­res pe­la Re­pú­bli­ca Po­pu­lar da Chi­na pa­ra a cons­tru­ção de um por­to de águas pro­fun­das em São To­mé e Prín­ci­pe. No Bur­ki­na Fa­so, um dos ra­ros dois paí­ses do con­ti­nen­te afri­ca­no que apoi­am Taiwan, a Re­pú­bli­ca Po­pu­lar da Chi­na es­tá tam­bém a in­ves­tir ca­da vez mais, so­bre­tu­do no se­tor mi­nei­ro, o que po­de fa­zer a ba­lan­ça in­cli­nar-se de­ci­si­va­men­te pa­ra o la­do de Pe­quim. «A elei­ção de Trump – que já si­na­li­zou po­der al­te­rar a atu­al po­lí­ti­ca ame­ri­ca­na em re­la­ção à ques­tão chi­ne­sa – obri­ga Pe­quim a agir com ra­pi­dez e fir­me­za», ex­pli­cou o pro­fes­sor Zhong Hou­tao, es­pe­ci­a­lis­ta chi­nês em as­sun­tos taiwa­ne­ses.

São To­mé

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.