E

Africa21 - - Aos Leitores -

aban­do­nou a en­tão Or­ga­ni­za­ção de Uni­da­de Afri­ca­na (OUA), an­te­ces­so­ra da atu­al União Afri­ca­na (UA), de­pois de a ins­ti­tui­ção ter ad­mi­ti­do a Re­pú­bli­ca Ára­be Sa­rauí De­mo­crá­ti­ca (RASD). Trin­ta e três anos de­pois, em ju­lho de 2016, o seu filho, Moha­med VI, ad­mi­tin­do im­pli­ci­ta­men­te o fra­cas­so des­sa es­tra­té­gia da ca­dei­ra va­zia, es­cre­veu ao en­tão pre­si­den­te da UA, o Che­fe de Es­ta­do cha­di­a­no Idriss Déby, so­li­ci­tan­do o in­gres­so de Mar­ro­cos na or­ga­ni­za­ção con­ti­nen­tal afri­ca­na. O pe­di­do foi acei­te no dia 30 de ja­nei­ro des­te ano, na úl­ti­ma ci­mei­ra da União Afri­ca­na, por uma cla­ra mai­o­ria: 39 dos 54 Es­ta­dos-mem­bros da UA vo­ta­ram a fa­vor da acei­ta­ção do mes­mo. O re­sul­ta­do é fru­to de uma pa­ci­en­te es­tra­té­gia de Moha­med VI, que foi te­cen­do nos úl­ti­mos anos uma re­de eco­nó­mi­ca, di­plo­má­ti­ca e re­li­gi­o­sa no con­ti­nen­te, que fez au­men­tar sig­ni­fi­ca­ti­va­men­te o nú­me­ro de ami­gos de Mar­ro­cos em Áfri­ca. Após a sua che­ga­da ao po­der, em 1999, o mo­nar­ca re­a­li­zou 41 vi­a­gens no con­ti­nen­te afri­ca­no, qua­se sem­pre acom­pa­nha­do por de­le­ga­ções em­pre­sa­ri­ais. Nu­ma das su­as mais re­cen­tes des­lo­ca­ções, já es­te ano, con­se­guiu che­gar a um acor­do com a Ni­gé­ria – um dos prin­ci­pais ali­a­dos da sua vi­zi­nha e ri­val Ar­gé­lia – pa­ra a cons­tru­ção de um ga­so­du­to en­tre os dois paí­ses. Em 16 anos, Mar­ro­cos trans­for­mou-se no pri­mei­ro in­ves­ti­dor na Áfri­ca Oci­den­tal e o se­gun­do em to­do o con­ti­nen­te, ape­nas atrás da Áfri­ca do Sul. O país as­si­nou qua­se mil acor­dos de co­o­pe­ra­ção com paí­ses afri­ca­nos. A em­pre­sa mar­ro­qui­na de avi­a­ção, a Royal Air Ma­roc, voa pa­ra 22 des­ti­nos em Áfri­ca, con­tra so­men­te cin­co da sua con­cor­ren­te ar­ge­li­na. Por ou­tro la­do, o mo­nar­ca mar­ro­qui­no es­tá a cri­ar uma sé­rie de la­ços re­li­gi­o­sos com vá­ri­os paí­ses afri­ca­nos, atra­vés da Fun­da­ção Moha­med VI

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.