Ama­men­ta­ção dos Búzios

Africa21 - - Moçambique -

de­pois fi­ze­mos ris­cos con­cên­tri­cos Ba­te-me ago­ra nas têm­po­ras um gri­to de den­tro e as mui­tas per­gun­tas, tan­tas e im­pos­sí­veis de enu­me­rar, obri­gam-me a es­ta de­am­bu­la­ção ex­te­nu­a­da e oca e de pou­co va­le in­vo­car, ci­tar, con­cep­tu­a­li­zar, por­que so­le­nes são só os si­nais que o ven­to es­par­ge grão a grão, a dis­tân­cia de nun­ca che­gar, o tem­po tan­to ou pou­co que se con­fi­gu­ra nu­ma imo­bi­li­da­de, as três ou qua­tro coi­sas de que al­guém pa­re­ce ter-se lem­bra­do mas tão in­de­fi­ni­das ou ine­fá­veis – tal­vez, chão, tal­vez país, tal­vez no­mes, tal­vez ho­ri­zon­te, tal­vez ab­sur­do, tal­vez si­nais, tal­vez… –, que co­me­ça a des­cer a pru­mo um can­sa­ço, ago­ra no pre­sen­te de es­tar a es­cre­ver is­to, con­tras­tan­do com o tem­po ver­bal do iní­cio da des­ta cró­ni­ca on­de pa­re­cia es­co­rar-se a va­ri­an­te do pro­ver­bi­al «era uma vez», es­pé­cie de pe­dra, a pri­mei­ra, com que se ini­cia a es­tó­ria da ca­sa ti­jo­lo a ti­jo­lo ou de ca­ni­ço ma­ti­ca­da e mol­da­da com a pa­la­vra mão à me­di­da que ela fa­la e cres­ce e a ideia de ca­sa pas­sa da pa­la­vra a uma de­mar­ca­ção on­de o cor­po e o seu tem­po e os seus afe­tos e as so­li­dões mi­ti­ga­das ou as ju­bi­la­ções dos en­con­tros en­con­tram o de­se­nho de mo­rar e o sen­ti­do que é sem­pre um abri­go na pai­sa­gem. É qu­an­do o po­e­ma inú­til sur­ge e se en­gol­fa, ver­me­lho, no la­do es­quer­do, seus ca­nais tur­bi­lho­nan­tes, seu ar­far de deus can­sa­do cor­ren­do até à li­nha do ho­ri­zon­te en­quan­to cha­ma­mos por ele sem que nos oi­ça, a ga­lo­pe na sua fo­me e in­sa­ciá­vel e ili­mi­ta­do sem­pre mes­mo qu­an­do tro­pe­ça e o ho­ri­zon­te se en­lan­gues­ce e san­gui­no­len­to dei­xa gol­gar um es­cu­ro e a promessa de uma luz. E nós ali sen­ta­dos a in­da­gar os si­nais. Os búzios che­gan­do. E o mais.

Ba­te-me ago­ra nas têm­po­ras um gri­to de den­tro e as mui­tas per­gun­tas, tan­tas e im­pos­sí­veis de enu­me­rar

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.