ESFREGANDO O SI­LÊN­CIO DA ARDÊNCIA NA CÓR­NEA DES­FEI­TA EM ÁCIDAS LÁ­GRI­MAS

Jornal Cultura - - LETRAS -

MA­NU­EL (D´AN­GO­LA) DE SOU­SA

Sopro o pí­fa­ro em re­ti­ra­da ace­le­ra­da Fu­jo da re­a­li­da­de ac­tu­al e pu­lo fo­ra Re­ti­ro às pres­sas tu­do o que tenho di­to Re­traio to­dos os pre­cei­tos atrás de um pi­lar… Es­ca­vo sem fun­da­men­to as fun­das fun­da­ções En­ce­to uma cor­re­ria con­tra o tem­po pa­ra me ocul­tar Cor­to ca­mi­nho in­do às cur­vas e aos zi­gue­za­gues Aben­çoo-me o me­lhor que con­si­go ou pos­so… Oi­ço os An­jos a to­ca­rem as cor­ne­tas triun­fais Su­bo su­bi­ta­men­te a es­ca­da­ria pa­ra me jun­tar a eles Dei­xo o por­tal aber­to pa­ra que vêm a se­guir Vou à va­ran­da es­prei­tar mi­ra­gens à dis­tân­cia Bor­ro a es­cri­ta to­da com um me­ro ma­ta-bor­rões A ita das inau­gu­ra­ções che­gou à jus­ta ao im Des­li­zo pe­lo ge­lo tão lo­go co­me­ça o de­ge­lo das águas Jo­go lo­res e pé­ta­las pa­ra a es­quer­da e pa­ra a di­rei­ta En io-me a ei­to por um be­co de saí­da exí­gua Jul­go su­ma­ri­a­men­te e con­de­no ac­tos ex­plo­si­vos Ex­pur­go e ex­pul­so in­do­má­veis De­mó­ni­os do cor­po Exor­ci­zo as mal­da­de e má­goa san­ti ican­do o es­pí­ri­to Ex­po­nho ga­le­ri­as de ar­te sa­cra ex­pos­ta a sa­cri­lé­gi­os

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.