HO­RÁ­CIO DÁ MES­QUI­TA O KWANZA NA AR­TE DA CERÂMICA

Jornal Cultura - - ARTE -

O ilus­tra­dor da mo­e­da na­ci­o­nal, Ho­rá­cio Dá Mes­qui­ta, apre­sen­ta, des­de 19 de Ju­lho, na sa­la de ex­po­si­ções tem­po­rá­ri­as do Mu­seu da Mo­e­da, um vas­to acer­vo de pe­ças ce­râ­mi­cas, ins­pi­ra­das na mo­e­da na­ci­o­nal (Kwanza).

O ar­tis­ta an­go­la­no, di­vi­de com o pú­bli­co a ri­que­za que o país ofe­re­ce, des­de a ma­té­ria-pri­ma até à fa­bri­ca­ção de ele­men­tos de­co­ra­ti­vos e cons­tru­ti­vos.

O ma­te­ri­al ex­pos­to re­pre­sen­ta a ar­te cerâmica dos di­ver­sos pon­tos do ter­ri­tó­rio na­ci­o­nal, e ca­da uma das pe­ças reú­ne di­ver­sas téc­ni­cas e dis­tin­tas pig­men­ta­ções, tex­tu­ras e in­ci­sões, quer se­jam elas ge­o­mé­tri­cas, igu­ra­ti­vas ou sim­ples­men­te de­co­ra­ti­vas, que po­dem vi­si­vel­men­te ser en­con­tra­das nas no­tas da fa­mí­lia Kwanza e mo­e­das me­tá­li­cas, sen­do o pro­du­to re­sul­ta­do de um tra­ba­lho ár­duo que per­du­rou de um ano.

O ar­tis­ta plás­ti­co, alu­diu que “a ins­pi­ra­ção na es­co­lha da mo­e­da na­ci­o­nal de­veu-se ao fac­to de a mo­e­da tam­bém ser ins­pi­ra­da e pos­suir fer­ra­men­tas que os an­te­pas­sa­dos já ha­vi­am dei­xa­do, con­si­de­ran­do- as co­mo uma inér­cia” e que a re­fe­ri­da ex­po­si­ção po­de­rá ser­vir co­mo uma li­ção não só pa­ra os an­go­la­nos, bem co­mo pa­ra to­dos aque­les que ex­por­tam tais ma­té­ri­as pa­ra o País, aler­tan­do que “os seus di­as es­tão con­ta­dos” de­vi­do à ma­té­ria- pri­ma que pos­suí­mos ser de qua­li­da­de su­pe­ri­or ao que se im­por­ta.

To­do o ma­te­ri­al em ex­po­si­ção re lec­te ape­nas a re­gião do Ben­go, mas que es­tá nas pre­ten­sões do ar­tis­ta a ex­plo­ra­ção de ou­tras áre­as do País, su­bli­nhan­do que “há al­gu­mas di icul­da­des em tra­zer os cau­li­nos do Lubango, são os me­lho­res cau­li­nos do mun­do, e os ja­po­ne­ses ti­ra­vam da­qui e fa­zi­am por­ce­la­na de­les. Não há ra­zão ne­nhu­ma pa­ra im­por­ta­mos tal ma­te­ri­al”.

Das pe­ças ex­pos­tas, po­de-se ve­ri icar que al­gu­mas re­pre­sen­tam os sím­bo­los na­ci­o­nais, co­mo por exem­plo Mwa­na Pwó, más­ca­ra da cul­tu­ra tchokwé, pe­ças que fa­zem par­te do vas­to mo­sai­co so­ci­al e cul­tu­ral de An­go­la. Es­ta ex­po­si­ção vêm igual­men­te par­ti­lhar com o pú­bli­co, a ri­que­za que o país ofe­re- ce, des­de a ma­té­ria-pri­ma até a fa­bri­ca­ção de ele­men­tos de­co­ra­ti­vos e cons­tru­ti­vos, os azu­le­jos, ten­do a cul­tu­ra na­ci­o­nal co­mo pon­to cen­tral.

Em de­cla­ra­ções à An­gop, o cri­a­dor sa­li­en­tou, que as pe­ças de cerâmica ex­pos­tas fo­ram fei­tas no es­pa­ço de um ano, e ne­las “po­de­mos apre­ci­ar os mo­ti­vos pre­sen­tes no Sa­manyon­ga (pen­sa­dor), no San­za Cokwe, no Mu­lon­do, no Mukwa­le, e no Kis­san­ge, que o tor­na ca­da pe­ça ora ex­pos­ta sin­gu­lar e de in­dis­cu­tí­vel va­lor“, a ir­mou.

En­tre as vá­ri­as pe­ças ce­râ­mi­cas ex­pos­tas no Mu­seu da Mo­e­da, po­de­mos en­con­trar mo­rin­gue, ca­ba­ças, can­de­ei­ros, azu­le­jos em relevo, mu­ral de azu­le­jos e ti­ge­las. O ar­tis­ta uti­li­zou o quart­zo cas­ta­nho, do­lo­mi­te, ar­gi­la ver­me­lha, cau­li­no em es­ta­do pu­ro e cau­li­ni­te, en­tre ou­tros, de ori­gem na­ci­o­nal, pre­ci­sa­men­te da pro­vín­cia do Ben­go.

BI­O­GRA­FIA DE DÁ MES­QUI­TA

Ho­rá­cio Dá Mes­qui­ta nas­ceu na pro­vín­cia de Ben­gue­la em 1953. Fre­quen­tou a es­co­la Bor­da­lo Pi­nhei­roCe­râ­mi­ca, em Por­tu­gal, ten­do es­ta­gi­a­do na fa­bri­ca de cerâmica SECLA, es­pe­ci­a­li­zan­do em cerâmica in­dus­tri­al e tec­no­lo­gi­as ter­mo­di­nâ­mi­cas.

Em 1980, na Academia de Ar­tes Po­to-Po­to de Bra­za­vil­le (RDC ), tro­ca co­nhe­ci­men­tos es­té­ti­cos da cul­tu­ra Ban­tu. De re­gres­so a An­go­la de­di­ca se à ac­ti­vi­da­de de cerâmica, pa­ra além de ilus­tra­ções de se­los pa­ra os Cor­rei­os de An­go­la, car­tões de re­car­ga te­le­fó­ni­ca e no­tas/mo­e­das pa­ra o Ban­co Na­ci­o­nal de An­go­la.

No mo­men­to da inau­gu­ra­ção, com o go­ver­na­dor do BNA e o se­cre­tá­rio de Es­ta­do da Cul­tu­ra

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.