MBANZA CONGO FOI TE­MA DO CAR­NA­VAL NA CLAS­SE B

Jornal Cultura - - Cultura -

ADRI­A­NO DE ME­LO

Ven­cer pa­ra ter um lu­gar ao sol. Com es­te pen­sa­men­to os gru­pos da Clas­se B de adul­tos do Car­na­val de Lu­an­da che­ga­ram, do­min­go, dia 11, à Mar­gi­nal da Praia do Bis­po. O des­fi­le ini­ci­ou às 17h00. Com 20 mi­nu­tos de exi­bi­ção pa­ra ca­da um, os 14 par­ti­ci­pan­tes pro­cu­ra­ram dar o seu me­lhor pa­ra te­rem a opor­tu­ni­da­de de no pró­xi­mo ano dis­pu­ta­rem no des­fi­le cen­tral.

Oriun­dos de vá­ri­os dis­tri­tos da ca­pi­tal, os con­cor­ren­tes apre­sen­ta­ram vá­ri­os te­mas, na sua mai­o­ria re­la­ci­o­na­dos com o quo­ti­di­a­no dos lu­an­den­ses, a e aler­tas pa­ra de­ter­mi­na­das prá- ti­cas er­ra­das, que nos úl­ti­mos anos se tor­na­ram uma cons­tan­te na ac­tu­al so­ci­e­da­de an­go­la­na.

Pa­ra con­quis­tar um lu­gar no ac­to cen­tral na pró­xi­ma edi­ção do Car­na­val, os gru­pos da Clas­se B ize­ram uma apos­ta for­te na co­re­o­gra ia e na in­du­men­tá­ria, al­gu­mas mais vis­to­sas em re­la­ção às ou­tras. A ale­go­ria foi uma pre­o­cu­pa­ção da mai­o­ria dos gru­pos, ape­sar de nem to­das te­rem con­di­ções de res­pon­der às exigências do de­sa io.

Es­ta edi­ção da fes­ta foi aber­ta pe­lo gru­po União Ka­zu­ku­ta do Sam­bi­zan­ga. Pro­ce­den­te do Sam­bi­zan­ga, o gru­po, que é um de­fen­sor do es­ti­lo ka­zu­ku­ta, fa­lou so­bre as mu­dan­ças que ocor­rem ac­tu­al­men­te no país, com

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.