Im­por­ta­ções de Por­tu­gal em de­clí­nio

Jornal de Angola - - ECONOMIA -

As ex­por­ta­ções por­tu­gue­sas pa­ra An­go­la caí­ram 39,9 por cen­to e as im­por­ta­ções 54,7 em Ju­lho, em ter­mos ho­mó­lo­gos, a mai­or con­trac­ção do co­mér­cio bi­la­te­ral do país eu­ro­peu na­que­le pe­río­do, de­cla­rou o Ins­ti­tu­to Na­ci­o­nal de Es­ta­tís­ti­ca (INE) de Por­tu­gal.

Da­dos do INE afir­mam que, em Ju­lho, as ex­por­ta­ções lu­sas pa­ra os Es­ta­dos Uni­dos di­mi­nuí­ram 22,6 por cen­to e pa­ra a Chi­na 29,6.

Em ter­mos glo­bais, as ex­por­ta­ções por­tu­gue­sas re­cu­a­ram 4,6 em Ju­lho, em com­pa­ra­ção com o mes­mo mês de 2015, no que con­fi­gu­ra a mai­or con­trac­ção men­sal em mais de dois anos. O sal­do co­mer­ci­al não foi pre­ju­di­ca­do, por­que as im­por­ta­ções caí­ram 7,2 por cen­to, a mai­or que­bra em ano e meio.

A im­pren­sa por­tu­gue­sa es­cre­veu que des­de Abril de 2014 que as ex­por­ta­ções por­tu­gue­sas de mer­ca­do­ri­as não caíam tan­to co­mo em Ju­lho des­te ano, com o que se man­tém a ten­dên­cia de tra­va­gem das ex­por­ta­ções da­que­le país atra­ves­san­do qua­se to­do o ano. Nos pri­mei­ros se­te me­ses do ano, ape­nas num de­les (Fe­ve­rei­ro) não re­gis­tou uma con­trac­ção ho­mó­lo­ga.

“Em Ju­lho de 2016, em ter­mos das va­ri­a­ções ho­mó­lo­gas men­sais, as ex­por­ta­ções de­cres­ce­ram 4,6 por cen­to (-1,5 em Ju­nho de 2016), em re­sul­ta­do da re­du­ção de 18,5 por cen­ti re­gis­ta­da no Co­mér­cio Ex­tra-UE (-14,8 em Ju­nho de 2016), da­do que as ex­por­ta­ções In­tra-UE au­men­ta­ram 0,8 por cen­to (+3,6 em Ju­nho de 2016)”, afir­ma o INE por­tu­guês.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.