Ór­gãos so­ci­ais da Fe­de­ra­ção são con­fir­ma­dos sex­ta-fei­ra

Jornal de Angola - - DESPORTO -

Uma lis­ta úni­ca con­cor­re aos ór­gãos so­ci­ais da Fe­de­ra­ção An­go­la­na de Esgrima (FAE), cu­jo ac­to elei­to­ral se re­a­li­za no dia 17 des­te mês, em Lu­an­da.

Se­gun­do apu­rou a Angop jun­to da Co­mis­são Elei­to­ral, co­or­de­na­da por Eli­seu Ma­jor, até quin­ta­fei­ra, dia pre­vis­to pa­ra a en­tre­ga das can­di­da­tu­ras, ape­nas a lis­ta en­ca­be­ça­da por Do­min­gos Pe­dro Pascoal deu en­tra­da.

Cons­ti­tuí­da a 18 de Agos­to de 2015, a FAE já é di­ri­gi­da pe­lo ac­tu­al ca­be­ça de lis­ta, que man­tém na pre­si­dên­cia da As­sem­bleia Ge­ral, Jo­sé Ál­va­ro, e Cé­sar Chi­ta, co­mo se­cre­tá­rio-ge­ral, pa­ra o plei­to ao qua­drié­nio 2016/2020.

O elen­co pre­ten­de pro­mo­ver a ini­ci­a­ção à prá­ti­ca da esgrima, que te­rá co­mo prin­ci­pal as­pec­to téc­ni­co-des­por­ti­vo o de­sen­vol­vi­men­to das qua­li­da­des vo­li­ti­vas ge­rais e a im­ple­men­ta­ção de ac­ti­vi­da­des des­por­ti­vas nos es­ca­lões de ba­se, on­de a com­pe­ti­ção se­rá uma re­a­li­da­de a par­tir dos es­ca­lões sub-12, sub-15, sub-17, sub-20 e os atle­tas olím­pi­cos (sub-23 anos).

A as­sem­bleia ex­tra­or­di­ná­ria, re­a­li­za­da no dia 3 des­te mês, de­fi­niu co­mo vo­tan­tes as as­so­ci­a­ções pro­vin­ci­ais de Ma­lan­je, Huí­la e Ca­bin­da, bem co­mo os res­pec­ti­vos clu­bes. A cam­pa­nha elei­to­ral tem iní­cio ho­je e ter­mi­na na se­gun­da­fei­ra. A pu­bli­ca­ção dos re­sul­ta­dos es­tá mar­ca­da pa­ra as 18h00 do dia da vo­ta­ção, a 17 do cor­ren­te.

A esgrima é uma mo­da­li­da­de que evo­luiu da an­ti­ga for­ma de com­ba­te, em que o ob­jec­ti­vo é to­car o ad­ver­sá­rio com a lâ­mi­na, ao mes­mo tem­po que se evi­ta ser to­ca­do. A esgrima es­tá in­cluí­da no pro­gra­ma dos Jo­gos Olím­pi­cos da era mo­der­na, sen­do uma das qu­a­tro mo­da­li­da­des que fa­zem par­te do even­to des­de a pri­mei­ra edi­ção (1896).

A esgrima com­pre­en­de três dis­ci­pli­nas, flo­re­te, es­pa­da e sa­bre, aber­tas a am­bos os se­xos e dis­pu­ta­das, quer in­di­vi­du­al­men­te quer por equi­pas. A Fe­de­ra­ção In­ter­na­ci­o­nal de Esgrima foi fun­da­da em 1913.

O an­go­la­no Adil­son An­tó­nio, pe­las su­as per­for­man­ces em re­pre­sen­ta­ção do seu clu­be em Por­tu­gal, cha­mou a atenção e cons­ti­tuiu-se no “por­ta-ban­dei­ra da esgrima” na­ci­o­nal, ten­do já par­ti­ci­pa­do em even­tos in­ter­na­ci­o­nais nes­sa con­di­ção, po­rém, na al­tu­ra, ain­da sob a ban­dei­ra da Fe­de­ra­ção In­ter­na­ci­o­nal de Esgrima (FIE), por­que a Fe­de­ra­ção An­go­la­na ain­da não ti­nha for­ma­li­za­do a ins­cri­ção.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.