Egip­to é o re­cor­dis­ta de tro­féus e pre­sen­ças

Jornal de Angola - - DESPORTO -

A Gui­né Bis­sau par­ti­ci­pa pe­la pri­mei­ra vez na prin­ci­pal pro­va de fu­te­bol do con­ti­nen­te

De­pois de apu­ra­das as 16 equi­pas pa­ra a 31.ª edi­ção da Ta­ça de Áfri­ca das Na­ções (CAN 2017), que se­rá or­ga­ni­za­da pe­lo Ga­bão, eis al­gu­mas es­ta­tís­ti­cas re­le­van­tes da pro­va.

To­das as equi­pas qua­li­fi­ca­das, ex­cep­to uma (a da Gui­né-Bis­sau), não são es­tre­an­tes no tor­neio fi­nal. Os de­sem­pe­nhos an­te­ri­o­res, to­ta­li­za­dos em fun­ção das par­ti­ci­pa­ções em fa­ses fi­nais e me­lhor re­sul­ta­do ob­ti­do, apre­sen­tam-se co­mo se se­gue.O Egip­to li­de­ra em par­ti­ci­pa­ções, ten­do es­ta­do em 22 oca­siões na com­pe­ti­ção con­ti­nen­tal, ten­do con­quis­ta­do se­te tí­tu­los em 1957, 1959, 1986, 1998, 2006, 2008 e 2010).

A Cos­ta do Mar­fim é se­gun­da em par­ti­ci­pa­ções com 21 e dois tro­féus em 1992 e 2015. A se­guir es­tá o Ga­na com 20 pre­sen­ças e qua­tro tí­tu­los em 1963, 1965, 1978 e 1982. Os Ca­ma­rões, com 17 par­ti­ci­pa­ções e qua­tro vi­tó­ri­as, é ou­tro país que ocu­pa um dos lu­ga­res do pó­dio. As con­quis­tas ocor­re­ram em 1984, 1988, 2000 e 2002, pe­río­do em que do­mi­nou a mo­da­li­da­de no con­ti­nen­te du­ran­te de­zas­seis anos con­se­cu­ti­vos. No res­tri­to gru­po de ven­ce­do­res es­tá igual­men­te a Re­pú­bli­ca De­mo­crá­ti­ca do Con­go que so­ma 17 par­ti­ci­pa­ções e du­as con­quis­tas em 1968 e 1974.

Se­guem-se Tu­ní­sia, com 17 par­ti­ci­pa­ções e uma ta­ça (2004). Ar­gé­lia, com 16 par­ti­ci­pa­ções e um tí­tu­lo (1990), e Mar­ro­cos, 15 par­ti­ci­pa­ções e um triun­fo (1976), com­ple­tam o le­que de cam­peões con­ti­nen­tais.

O Se­ne­gal, com 13 pre­sen­ças, che­gou uma vez à fi­nal em 2002, tal co­mo o Bur­ki­na Fa­so que dis­pu­tou a de­ci­são de 2013, em 10 par­ti­ci­pa­ções. O Ma­li, com 10 pre­sen­ças, jo­gou a fi­nal de 1972.

O To­go já es­te­ve em se­te cam­pe­o­na­tos e che­gou aos quar­tos-de­fi­nal, em 1996 e 2012, em se­te pre­sen­ças, ao pas­so que o Ga­bão, país an­fi­trião do CAN 2017, tem seis pre­sen­ças e foi afas­ta­do nos quar­tos-de-fi­nal em du­as oca­siões (1996 e 2012).

O Ugan­da es­te­ve cin­co ve­zes na fa­se fi­nal da pro­va e foi o fi­na­lis­ta ven­ci­do da edi­ção de 1978, en­quan­to o Zim­babwe foi eli­mi­na­do na fa­se de gru­pos nas du­as ve­zes que dis­pu­tou a com­pe­ti­ção em 2004 e 2006. A Gui­né-Bis­sau, co­mo já foi re­fe­ri­do, é es­tre­an­te.As qua­li­fi­ca­ções fo­ram dis­pu­ta­das en­tre 12 de Ju­nho de 2015 e 4 de Se­tem­bro de 2015, por 51 paí­ses. O Ga­bão, en­quan­to país an­fi­trião, qua­li­fi­cou-se au­to­ma­ti­ca­men­te pa­ra o tor­neio fi­nal. Fo­ram dis­pu­ta­dos 144 jo­gos e mar­ca­dos 359 go­los (em mé­dia 2,49 go­los por jo­go). O me­lhor go­le­a­dor foi El Ara­bi Hil­lel Sou­da­ni, da Ar­gé­lia, com se­te go­los.

A Ta­ça de Áfri­ca das Na­ções é or­ga­ni­za­da de dois em dois anos pe­la Con­fe­de­ra­ção Afri­ca­na de Fu­te­bol (CAF). Nes­ta edi­ção, o tor­neio de­via ser aco­lhi­do pe­la Lí­bia, mas a CAF anu­lou os seus di­rei­tos de or­ga­ni­za­ção, em Agos­to de 2014, de­vi­do à cri­se em cur­so nes­te país da Áfri­ca do Nor­te.

A pro­va se­rá or­ga­ni­za­da pe­lo Ga­bão de 14 de Ja­nei­ro a 5 de Fe­ve­rei­ro de 2017. O ven­ce­dor qua­li­fi­ca­se pa­ra a Ta­ça das Con­fe­de­ra­ções da FIFA de 2017, na Rús­sia, even­to que faz igual­men­te par­te das co­me­mo­ra­ções do 60.º ani­ver­sá­rio do CAN. As ci­da­de de Li­bre­vil­le, Fran­ce­vil­le, Bi­tam Oyem e Port Gen­til são as es­co­lhi­das pa­ra aco­lher as sé­ri­es da com­pe­ti­ção.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.