Ex-alu­nos do IMEL cri­am as­so­ci­a­ção

Jornal de Angola - - SOCIEDADE - CÉ­SAR ES­TE­VES |

Ex-alu­nos do Ins­ti­tu­to Mé­dio de Eco­no­mia de Luanda (IMEL) pro­cla­ma­ram, sá­ba­do, uma as­so­ci­a­ção num am­bi­en­te mar­ca­do por re­cor­da­ções do pe­río­do em que es­tu­da­ram na­que­la es­co­la de ní­vel mé­dio.

Até à pro­cla­ma­ção, fo­ram dois anos de pre­pa­ra­ção da cons­ti­tui­ção da as­so­ci­a­ção, que per­se­gue dois ob­jec­ti­vos: so­ci­al e aca­dé­mi­co.

No sá­ba­do, fo­ram elei­tos os mem­bros da di­rec­ção, que, no âm­bi­to de um man­da­to de qua­tro anos, é li­de­ra­da por Ân­ge­lo Ma­cha­do, co­ad­ju­va­do por dois vi­ce-pre­si­den­tes: Jo­sé Mi­guel e Cé­sar João.

Em de­cla­ra­ções ao Jor­nal de Angola, Ân­ge­lo Ma­cha­do dis­se que a as­so­ci­a­ção vai trans­mi­tir va­lo­res mo­rais e cí­vi­cos aos ac­tu­ais alu­nos do IMEL de­vi­do à pre­o­cu­pa­ção que tem a ver com o fac­to de que “os ac­tu­ais alu­nos não es­tão mui­to pre­o­cu­pa­dos com o apren­di­za­do.”

Na sua opi­nião, a aten­ção dos ac­tu­ais alu­nos es­tá mais vi­ra­da pa­ra a aqui­si­ção de cer­ti­fi­ca­dos, “o que não se ve­ri­fi­ca­va no nos­so tem­po.”

O lí­der da as­so­ci­a­ção lem­brou, do tem­po em que es­tu­dou no IMEL, “o nos­so ob­jec­ti­vo era a ob­ten­ção de co­nhe­ci­men­tos e não do cer­ti­fi­ca­do” e acen­tu­ou: “dá­va­mos tu­do de nós pa­ra sair­mos do IMEL bem pre­pa­ra­dos co­mo téc­ni­cos mé­di­os.”

Por es­sa ra­zão, acres­cen­tou Ân­ge­lo Ma­cha­do, a as­so­ci­a­ção dos an­ti­gos alu­nos pre­ten­de trans­mi­tir tam­bém es­se es­pí­ri­to aos ac­tu­ais alu­nos da­que­le es­ta­be­le­ci­men­to de en­si­no pú­bli­co.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.