Exe­cu­ti­vo ga­ran­te se­gu­ran­ça em to­do o pro­ces­so eleitoral

ACTORES PO­LÍ­TI­COS CHA­MA­DOS A AGIR COM SE­RE­NI­DA­DE

Jornal de Angola - - PARTADA -

O mi­nis­tro do In­te­ri­or, Ân­ge­lo da Vei­ga Ta­va­res, re­a­fir­mou on­tem em Luanda que es­tão ga­ran­ti­das as con­di­ções de se­gu­ran­ça das fa­ses do pro­ces­so de re­gis­to eleitoral pa­ra a re­a­li­za­ção de elei­ções ge­rais tran­qui­las em 2017. O go­ver­nan­te, que fa­la­va du­ran­te a actualização dos da­dos elei­to­rais, su­bli­nhou que os mem­bros do seu pe­lou­ro têm nes­te pro­ces­so a res­pon­sa­bi­li­da­de de fa­ze­rem o re­gis­to co­mo ci­da­dãos elei­to­res e as­se­gu­rar que tu­do de­cor­ra com to­da a tran­qui­li­da­de e se­gu­ran­ça. O ti­tu­lar da pas­ta do In­te­ri­or pe­diu aos agen­tes po­lí­ti­cos pa­ra agi­rem com se­re­ni­da­de e res­pon­sa­bi­li­da­de na avaliação do pro­ces­so em cur­so, por­que é in­te­res­se de to­dos que as elei­ções ge­rais de­cor­ram em paz e tran­qui­li­da­de. Vei­ga Ta­va­res ape­lou tam­bém à po­pu­la­ção pa­ra exer­cer o seu de­ver de ci­da­da­nia com or­dem e dis­ci­pli­na e não dei­xar pa­ra o úl­ti­mo mo­men­to a actualização dos da­dos elei­to­rais. “É pre­ci­so evi­tar as en­chen­tes de úl­ti­ma ho­ra, que aca­bam sem­pre por cri­ar cons­tran­gi­men­tos às pes­so­as en­vol­vi­das no pro­ces­so.”

JO­SÉ SOARES

Mi­nis­tro do In­te­ri­or pe­diu aos par­ti­dos mais se­re­ni­da­de na avaliação do re­gis­to

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.