For­ças Ar­ma­das re­a­li­zam exer­cí­ci­os

Jornal de Angola - - MUNDO -

As For­ças Ar­ma­das is­ra­e­li­tas re­a­li­zam des­de on­tem um exer­cí­cio em to­do o país pa­ra pre­pa­rar os ci­vis pa­ra uma gu­er­ra to­tal, que pro­va­vel­men­te im­pli­ca o lan­ça­men­to de 1.500 mís­seis diá­ri­os con­tra o seu ter­ri­tó­rio.

Gu­er­ra to­tal em vá­ri­os pon­tos, des­trui­ção de ma­te­ri­al e in­fra-es­tru­tu­ras es­sen­ci­ais, ci­be­ra­ta­ques e lan­ça­men­tos de mís­seis em mas­sa fa­zem par­te do exer­cí­cio, que vai es­ten­der-se até 21 des­te mês, in­di­cou o Exér­ci­to num co­mu­ni­ca­do.

O exer­cí­cio ba­seia-se em ava­li­a­ções do co­man­do de De­fe­sa Ci­vil, se­gun­do as quais até 1.500 mís­seis po­dem atin­gir Is­ra­el, por dia, em ca­so de con­fli­to.

Os mís­seis po­dem ser lan­ça­dos si­mul­ta­ne­a­men­te pe­lo Hez­bol­lah li­ba­nês, no Nor­te, e em me­nor pro­por­ção pe­lo Ha­mas, que di­ri­ge a Faixa de Ga­za, no ter­ri­tó­rio pa­les­ti­no a Sul de Is­ra­el.

So­men­te um por cen­to dos mís­seis al­can­ça­ri­am áre­as re­si­den­ci­ais, se­gun­do as fon­tes mi­li­ta­res, uma vez que se­ri­am im­pe­di­dos pe­lo sis­te­ma an­ti­mís­seis, ou ha­vi­am de cair em zo­nas não ha­bi­ta­das.

A De­fe­sa Ci­vil dis­tri­bui re­gu­lar­men­te a to­dos os is­ra­e­li­tas ma­pas com zo­nas de pro­tec­ção em ca­so de ata­que ini­mi­go.

Pa­les­ti­ni­a­nos mor­tos

Um pa­les­ti­ni­a­no foi mor­to na sex­ta-fei­ra de­pois de ter fe­ri­do um sol­da­do is­ra­e­li­ta com uma fa­ca em He­bron, na Cis­jor­dâ­nia, in­for­mou on­tem Exér­ci­to. Es­te é o ter­cei­ro ata­que con­tra is­ra­e­li­tas. An­tes, um pa­les­ti­ni­a­no foi mor­to de­pois de em­ba­ter o seu veí­cu­lo con­tra uma pa­ra­gem de au­to­car­ro per­to do co­lo­na­to is­ra­e­li­ta de Ky­ri­at Ar­ba, na Cis­jor­dâ­nia, in­for­mou o Exér­ci­to.

“Dois agres­so­res ati­ra­ram o seu car­ro con­tra uma pa­ra­gem de au­to­car­ro na co­mu­ni­da­de de Kiryat Ar­ba. Três ci­vis fi­ca­ram fe­ri­dos no ata­que”, afir­mou o Exér­ci­to num co­mu­ni­ca­do.

“As for­ças is­ra­e­li­tas pre­sen­tes no lo­cal res­pon­de­ram com dis­pa­ros con­tra o veí­cu­lo, cau­san­do a mor­te de um dos agres­so­res”, acres­cen­ta o tex­to. Ou­tro pa­les­ti­ni­a­no foi mor­to em Je­ru­sa­lém Ori­en­tal por uma agen­te da po­lí­cia is­ra­e­li­ta a qu­em ten­tou es­fa­que­ar. O agres­sor, por­ta­dor de um pas­sa­por­te da Jor­dâ­nia, ten­tou agre­dir a agen­te per­to da Por­ta de Da­mas­co, um dos aces­sos mais sen­sí­veis da Ci­da­de Ve­lha. A agen­te res­pon­deu ao ata­que e ma­tou o agres­sor.

A Por­ta de Da­mas­co foi ce­ná­rio de vá­ri­os ata­ques des­de o iní­cio de uma on­da de vi­o­lên­cia ini­ci­a­da há qu­a­se um ano, que já ma­tou 226 pa­les­ti­nos, 34 is­ra­e­li­tas, dois nor­te-ame­ri­ca­nos, um eri­treu e um su­da­nês.

O lo­cal é a prin­ci­pal en­tra­da da Ci­da­de Ve­lha do la­do pa­les­ti­ni­a­no de Je­ru­sa­lém, ocu­pa­da des­de 1967 pe­lo Go­ver­no de Is­ra­el.

AFP

Exer­cí­ci­os mi­li­ta­res pre­pa­ram a po­pu­la­ção ci­vil pa­ra es­ca­pa­rem de fo­gue­tes do Hez­bol­la

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.