San­tos apre­sen­ta pro­jec­to

Jornal de Angola - - DESPORTO - ANTÓNIO DE BRI­TO |

A di­rec­ção do San­tos Fu­te­bol Clu­be de An­go­la (SFCA), em­pos­sa­da no pas­sa­do sá­ba­do pa­ra um man­da­to de qua­tro anos, tra­ba­lha nos es­ta­tu­tos vi­san­do a cri­a­ção da So­ci­e­da­de Anó­ni­ma Des­por­ti­va (SAD), com o ob­jec­ti­vo de su­por­tar as des­pe­sas das dis­tin­tas mo­da­li­da­des exis­ten­tes no clu­be.

A agre­mi­a­ção san­tis­ta po­de tor­na-se no pri­mei­ro clu­be an­go­la­no a cons­ti­tuir uma SAD. O elen­co pre­si­di­do por Is­ma­el Di­o­go da Sil­va pre­ten­de ain­da re­ac­ti­var as qua­tro mo­da­li­da­des sus­pen­sas, de­sig­na­da­men­te basquetebol, ju­do, atle­tis­mo e andebol, de mo­do a cri­ar as ba­ses ne­ces­sá­ri­as pa­ra pô-las a com­pe­tir ao mais al­to ní­vel, jun­tan­do-se ao fu­te­bol, ci­clis­mo e ka­ra­té.

Além da re­or­ga­ni­za­ção e re­vi­ta­li­za­ção do clu­be, o ou­tro de­sa­fio dos no­vos cor­pos so­ci­ais do San­tos pas­sa ain­da pe­la a as­cen­são da co­lec­ti­vi­da­de à ca­te­go­ria de Ins­ti­tui­ção de Uti­li­da­de Pú­bli­ca, no in­tui­to de ter a sua pró­pria in­de­pen­dên­cia fi­nan­cei­ra. Ac­tu­al­men­te so­bre­vi­ve das quo­ti­za­ções dos só­ci­os e de pa­tro­cí­ni­os.

No seu ter­cei­ro man­da­to, Is­ma­el Di­o­go da Sil­va apos­ta ain­da no res­sur­gi­men­to do fu­te­bol sé­ni­or, sus­pen­so em 2012, sem des­cu­rar o tra­ba­lho nos es­ca­lões de for­ma­ção. Em 2017 o San­tos vai com­pe­tir no Zo­nal de Apuramento pa­ra o Gi­ra­bo­la, com a am­bi­ção de ga­ran­tir a qua­li­fi­ca­ção, pa­ra em 2020 con­quis­tar o tí­tu­lo iné­di­to, de­pois de já ter ven­ci­do a Ta­ça de An­go­la (2008) e Su­per­ta­ça (2009), sob o co­man­do téc­ni­co de Má­rio Ca­la­do.

O San­tos Fu­te­bol Clu­be de An­go­la quer lan­çar a sua mar­ca a ní­vel in­ter­na­ci­o­nal, man­ten­do re­la­ções com os gran­des em­ble­mas do fu­te­bol eu­ro­peu. Em Es­pa­nha o clu­be co­o­pe­ra com o Atlé­ti­co de Bil­bau, da I Di­vi­são, ao abri­go da par­ce­ria que man­tém com a Fun­da­ção da ci­da­de do país ibé­ri­co, pe­lo que no fi­nal do mês três jo­ga­do­res da for­ma­ção vão par­tir pa­ra um cur­so de dois anos na aca­de­mia do Atlé­ti­co.

De­pois da for­ma­ção, os atle­tas re­gres­sam ao país pa­ra re­for­çar o plan­tel do San­tos, com o pro­pó­si­to de ata­car a con­quis­ta do tí­tu­lo do Gi­ra­bo­la: “Es­te é o ob­jec­ti­vo tra­ça­do. Es­ta­mos a tra­ba­lhar se­ri­a­men­te na for­ma­ção. A bol­sa é se­quen­ci­al. Se ti­ver­mos uma boa ba­se, é pos­sí­vel ven­cer­mos o cam­pe­o­na­to”, ga­ran­tiu Is­ma­el Di­o­go da Sil­va, ao Jor­nal de An­go­la.

Na zo­na do Zan­go, a di­rec­ção do San­tos es­tá a cons­truir três gran­des em­pre­en­di­men­tos des­por­ti­vos: Cen­tro de For­ma­ção Des­por­ti­va, Cen­tro de Trei­nos e Es­tá­gio e o re­cin­to pa­ra as ca­ma­das de for­ma­ção. O cam­po pa­ra a cap­ta­ção de ta­len­tos fi­ca con­cluí­do em De­zem­bro, com­por­tan­do rel­va sin­té­ti­ca, bal­neá­ri­os pa­ra atle­tas e ár­bi­tros e uma ban­ca­da pa­ra mil es­pec­ta­do­res. A no­va di­rec­ção é in­te­gra­da por 55 pes­so­as.

EDU­AR­DO PE­DRO

Is­ma­el Di­o­go da Sil­va foi em­pos­sa­do pa­ra um ter­cei­ro man­da­to à fren­te do clu­be

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.