Prin­ci­pais vi­as ro­do­viá­ri­as são as­fal­ta­das

AC­ÇÕES DE IM­PAC­TO SO­CI­AL EM NHA­RÊA

Jornal de Angola - - PROVÍNCIAS - JO­SÉ CHAVES |

As obras de re­a­bi­li­ta­ção das prin­ci­pais vi­as ro­do­viá­ri­as da vi­la de Nha­rêa, na pro­vín­cia do Bié, fi­cam con­cluí­das an­tes do fi­nal do cor­ren­te ano, ga­ran­tiu on­tem ao Jor­nal de An­go­la a ad­mi­nis­tra­do­ra mu­ni­ci­pal.

Maria Lú­cia Chi­ca­pa afir­mou que as obras de­cor­rem a bom rit­mo. “Até ao mo­men­to, em ter­mos de exe­cu­ção, a em­prei­ta­da es­tá cum­pri­da em 90 por cen­to, o que per­mi­te de­du­zir que den­tro de dois me­ses as po­pu­la­ções de Nha­rêa vão ter uma es­tra­da mais se­gu­ra”, as­se­gu­rou.

A re­a­bi­li­ta­ção de 12 qui­ló­me­tros as­fal­ta­dos en­qua­dra-se no pro­gra­ma de re­a­bi­li­ta­ção de in­fra-es­tru­tu­ras in­te­gra­das que o Exe­cu­ti­vo es­tá a de­sen­vol­ver, ten­do em vis­ta me­lho­rar as con­di­ções de mo­bi­li­da­de.

Até ao mo­men­to, fo­ram as­fal­ta­das ru­as dos bair­ros Ope­rá­rio, Ji­ca, Hos­pi­tal, Chi­vi­li, Santa Ro­sa e do cen­tro da se­de mu­ni­ci­pal.

Nes­ta fa­se es­tá em cur­so a re­a­bi­li­ta­ção de ru­as e pas­sei­os de Nha­rêa, in­cluin­do as re­des te­le­fó­ni­cas e fi­bra óp­ti­ca, água po­tá­vel, ilu­mi­na­ção pú­bli­ca e dre­na­gem de águas plu­vi­ais e re­si­du­ais.

A co­lo­ca­ção de as­fal­to es­tá a car­go da em­pre­sa chi­ne­sa Si­nohy­dro. A aber­tu­ra de no­vas ru­as na vi­la e a re­a­bi­li­ta­ção das an­ti­gas cons­tam do pro­jec­to de ur­ba­ni­za­ção do mu­ni­cí­pio, que pre­vê a co­lo­ca­ção de lan­cis, pas­sei­os, si­na­li­za­ção ho­ri­zon­tal e ver­ti­cal, e a ins­ta­la­ção de sis­te­mas de dre­na­gem das águas re­si­du­ais. A po­pu­la­ção da se­de mu­ni­ci­pal de Nha­rêa ma­ni­fes­tou sa­tis­fa­ção com as­fal­ta­men­to das prin­ci­pais vi­as ro­do­viá­ri­as da re­gião.

“Es­ta­mos mui­to sa­tis­fei­tos com o as­fal­ta­men­to das ru­as da nos­sa vi­la. Agra­de­ce­mos ao Go­ver­no Pro­vin­ci­al pe­lo tra­ba­lho que de­sen­vol­ve aqui, pois con­tri­bui pa­ra a me­lho­ria da qua­li­da­de de vi­da das po­pu­la­ções, bem co­mo me­lho­ra a ima­gem da lo­ca­li­da­de”, dis­se An­tó­nio Lus­sa­ti, mo­ra­dor do Bair­ro Hos­pi­tal.

O mo­ra­dor su­bli­nhou que, com o as­fal­ta­men­to das ru­as, fi­cam pa­ra trás as nu­vens de po­ei­ra, que, em mui­tos ca­sos, eram a cau­sa de do­en­ças res­pi­ra­tó­ri­as.

Se­gun­do Te­re­sa Fer­nan­da, 28 anos, há mui­to que a po­pu­la­ção da vi­la de Nha­rêa es­pe­ra­va pe­lo as­fal­ta­men­to das ru­as.

O re­ge­dor mu­ni­ci­pal, Ti­mó­teo Se­ve­ri­no, con­si­de­rou que a re­cu­pe­ra­ção das prin­ci­pais vi­as ro­do­viá­ri­as do mu­ni­cí­pio de Nha­rêa con­tri­bui pa­ra o de­sen­vol­vi­men­to sus­ten­tá­vel da lo­ca­li­da­de.

MARIA AUGUSTA

O tra­ba­lho que es­tá a ser exe­cu­ta­do vai me­lho­rar a cir­cu­la­ção e per­mi­te tam­bém aca­bar com as nu­vens de po­ei­ra que cau­sa­vam mui­tas do­en­ças

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.