Co­los­sos do bas­que­te­bol dis­pu­tam tro­féu

Pro­va es­tá mar­ca­da pa­ra Ou­tu­bro e en­vol­ve as agre­mi­a­ções mais for­tes

Jornal de Angola - - DESPORTO - ANAXIMANDRO MA­GA­LHÃES |

Pe­tro Atlé­ti­co de Lu­an­da-In­ter­clu­be, às 16h30, e 1-º de Agos­toRe­cre­a­ti­vo do Li­bo­lo, às 19h00, são as par­ti­das que mar­cam a par­tir de 5 de Ou­tu­bro, a aber­tu­ra da dis­pu­ta da oi­ta­va edi­ção do Tor­neio Victorino Cu­nha de bas­que­te­bol em se­ni­o­res mas­cu­li­nos.

A de­cor­rer até 7 do mês em re­fe­rên­cia, o ca­len­dá­rio do tor­neio re­ser­va pa­ra o dia 6, quin­ta-feira, o jo­go Li­bo­lo-Pe­tro de Lu­an­da, às 16h30, e pa­ra às 19h00, o 1.º de Agos­to, na qua­li­da­de de an­fi­trião, re­ce­be o In­ter­clu­be.Sexta-feira, no en­cer­ra­men­to de­fron­tam-se às 16h30, In­ter-Re­cre­a­ti­vo do Li­bo­lo, e às 19h00, 1.º de Agos­to-Pe­tro, os dois mai­o­res co­los­sos da bo­la ao ces­to e eter­nos ri­vais des­por­ti­vos fe­cham as cor­ti­nas.O pre­ço dos bi­lhe­tes, apu­rou o Jor­nal de An­go­la, ain­da não fo­ram tor­na­dos pú­bli­cos, por se en­con­tra­rem em dis­cus­são pe­los di­ri­gen­tes do Clu­be Cen­tral das For­ças Ar­ma­das An­go­la­nas, or­ga­ni­za­dor da pro­va.

À se­me­lhan­ça das edi­ções an­te­ri­o­res, os mol­des de dis­pu­ta pre­va­le­cem, ou se­ja, jo­gam to­dos con­tra to­dos a uma vol­ta, e ven­ce o tor­neio quem so­mar o mai­or nú­me­ro de pon­tos. Por vi­tó­ria são atri­buí­dos dois pon­tos, e por der­ro­ta um.

Em ca­so de igual­da­de pon­tu­al, os re­gu­la­men­tos da Fe­de­ra­ção In­ter­na­ci­o­nal de Bas­que­te­bol As­so­ci­a­do (FIBA), ór­gão rei­tor da mo­da­li­da­de no mundo, re­co­men­da nu­ma das su­as alí­ne­as que em tor­nei­os jo­ga­dos a uma só vol­ta, no sis­te­ma to­dos con­tra to­dos, o ven­ce­dor se­ja en­con­tra­do pe­lo pri­mei­ro item de de­sem­pa­te: o re­sul­ta­do no jo­go en­tre si.

O an­fi­trião, 1.º de Agos­to, é o pa­pão com qua­tro con­quis­tas em 2009, 2011, 2012 e 2014.

O Pe­tro de Lu­an­da ven­ceu em 2010. Em 2013 e 2015, a fa­ça­nha cou­be ao Re­cre­a­ti­vo do Li­bo­lo.

Um se­nhor do bas­que­te­bol

De no­me com­ple­to Victorino Eu­gé­nio da Sil­va e Cu­nha, nas­ceu a 18 de Abril de 1945, e é na­tu­ral de Mo­gosô­res, Portugal. Es­tu­dou no Co­lé­gio Almeida Ga­rett, on­de foi co­le­ga de Ni­co­la Be­rar­din­nel­li. Ini­ci­ou a prá­ti­ca de bas­que­te­bol com o pro­fes­sor Da­ni­el Lei­te, no Li­ceu Salvador Cor­reia, em Lu­an­da.

Co­me­çou a jo­gar no Benfica de Lu­an­da, em 1958, e de­pois no Cen­tro Des­por­ti­vo Uni­ver­si­tá­rio de An­go­la (CDUA). Du­ran­te o ser­vi­ço mi­li­tar em Mo­çam­bi­que, co­mo ca­pi­tão do exér­ci­to por­tu­guês, foi jo­ga­dor e trei­na­dor de fu­te­bol no Clu­be de Ca­bo Del­ga­do.

A se­guir jo­gou bas­que­te­bol na As­so­ci­a­ção Aca­dé­mi­ca de Mo­çam­bi­que. De re­gres­so a An­go­la, jo­gou bas­que­te­bol no Fer­ro­viá­rio de Lu­an­da em 1971-72.

Em 1972-74 in­gres­sa no CDUAN, on­de era ca­pi­tão e trei­na­dor, ten­do si­do co­le­ga do ge­ne­ral Raúl Hen­drick. Em Ju­lho de 1974 foi con­vi­da­do pe­lo pro­fes­sor Al­ber­to Qu­a­drio, pa­ra exer­cer a fun­ção de pro­fes­sor da Es­co­la de Ins­tru­ção de Edu­ca­ção.Em Se­tem­bro do mes­mo ano foi con­vi­da­do pe­lo an­ti­go mi­nis­tro das Re­la­ções Ex­te­ri­o­res, Paulo Tei­xei­ra Jor­ge, pa­ra tra­ba­lhar com as FAPLA, exer­cen­do na épo­ca, fun­ções mi­li­ta­res. En­quan­to pro­fes­sor de edu­ca­ção fí­si­ca, foi con­tac­ta­do por ofi­ci­ais da No­na Bri­ga­da que trei­na­vam fu­te­bol de sa­lão na an­ti­ga As­so­ci­a­ção dos Es­tu­dan­tes de Coimbra, pos­te­ri­or­men­te CODENM, pa­ra or­ga­ni­zar o an­de­bol e o vo­lei­bol e trei­nar a equi­pa de bas­que­te­bol sé­ni­or mas­cu­li­na do 1.º de Agos­to em 1977.

Foi pre­si­den­te do Co­mi­té de Trei­na­do­res da FIBA-Áfri­ca. Ac­tu­al­men­te é ins­tru­tor da FIBA-Mundo e pre­si­den­te da me­sa da as­sem­bleia-ge­ral da As­so­ci­a­ção Na­ci­o­nal de Trei­na­do­res de Bas­que­te­bol de An­go­la (ANTB).

MOTA AMBRÓSIO

Sor­teio da com­pe­ti­ção co­lo­ca o 1.º de Agos­to a en­fren­tar o Re­cre­a­ti­vo do Li­bo­lo no úl­ti­mo de­sa­fio da pri­mei­ra jor­na­da da com­pe­ti­ção

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.