Lu­an­da aco­lhe Ci­mei­ra so­bre a si­tu­a­ção na RDC

CON­FE­RÊN­CIA DA RE­GIÃO DOS GRAN­DES LA­GOS

Jornal de Angola - - PARTADA - JO­SI­NA DE CAR­VA­LHO |No­va Ior­que

Lu­an­da aco­lhe no pró­xi­mo mês de Ou­tu­bro uma Ci­mei­ra de Che­fes de Es­ta­do e de Go­ver­no da Con­fe­rên­cia In­ter­na­ci­o­nal da Re­gião dos Gran­des La­gos (CIRGL) pa­ra ana­li­sar a si­tu­a­ção na Re­pú­bli­ca De­mo­crá­ti­ca do Con­go, no âm­bi­to da pre­si­dên­cia an­go­la­na des­te ór­gão re­gi­o­nal. Se­gun­do anun­ci­ou em No­va Ior­que o em­bai­xa­dor nas Na­ções Uni­das, Is­ma­el Martins, An­go­la vai con­ti­nu­ar a pri­o­ri­zar a agen­da da se­gu­ran­ça e do diá­lo­go na Re­pú­bli­ca De­mo­crá­ti­ca do Con­go (RDC), Re­pú­bli­ca Cen­tro Afri­ca­na (RCA) e no Su­dão do Sul até ao fim do seu man­da­to, em De­zem­bro, co­mo mem­bro não per­ma­nen­te do Con­se­lho de Se­gu­ran­ça da ONU. Em de­cla­ra­ções à im­pren­sa an­go­la­na, em No­va Ior­que, o di­plo­ma­ta re­fe­riu que a si­tu­a­ção da Re­pú­bli­ca De­mo­crá­ti­ca do Con­go é nes­te mo­men­to a que mais pre­o­cu­pa An­go­la.

An­go­la re­a­li­za, no pró­xi­mo mês, na qua­li­da­de de pre­si­den­te da Con­fe­rên­cia In­ter­na­ci­o­nal da Re­gião dos Gran­des La­gos (CIRGL), uma ci­mei­ra de che­fes de Es­ta­do e de Go­ver­no dos paí­ses mem­bros pa­ra ana­li­sar a si­tu­a­ção na Re­pú­bli­ca De­mo­crá­ti­ca do Con­go, anun­ci­ou em No­va Ior­que o em­bai­xa­dor de An­go­la nas Na­ções Uni­das.

Is­ma­el Martins dis­se que An­go­la vai con­ti­nu­ar a pri­o­ri­zar a agen­da da se­gu­ran­ça e do diá­lo­go na Re­pú­bli­ca De­mo­crá­ti­ca do Con­go (RDC), Re­pú­bli­ca Cen­tro Afri­ca­na (RCA) e no Su­dão do Sul até ao fim do seu man­da­to, em De­zem­bro, co­mo mem­bro não per­ma­nen­te do Con­se­lho de Se­gu­ran­ça das Na­ções Uni­das.

Em de­cla­ra­ções à im­pren­sa an­go­la­na, em No­va Ior­que, o di­plo­ma re­fe­riu que a si­tu­a­ção da Re­pú­bli­ca De­mo­crá­ti­ca do Con­go é nes­te mo­men­to a mais pre­o­cu­pan­te pa­ra An­go­la, na me­di­da em que a exis­tên­cia de ins­ta­bi­li­da­de po­lí­ti­ca nes­te país vi­zi­nho afec­ta, es­pe­ci­al­men­te, a Re­gião dos Gran­des La­gos e o res­to do con­ti­nen­te afri­ca­no.

O ob­jec­ti­vo de An­go­la, jus­ti­fi­cou, é ga­ran­tir mai­or se­gu­ran­ça no con­ti­nen­te afri­ca­no pa­ra que es­te se­ja o seu le­ga­do quan­do sair do Con­se­lho de Se­gu­ran­ça. Ten­do em con­ta os pro­tes­tos ocor­ri­dos no pas­sa­do dia 19, em Kinsha­sa, que re­sul­ta­ram na mor­te de 50 pes­so­as, o Con­se­lho de Se­gu­ran­ça da Or­ga­ni­za­ção das Na­ções Uni­das abor­dou na sex­ta-fei­ra a si­tu­a­ção da Re­pú­bli­ca De­mo­crá­ti­ca do Con­go e re­co­men­dou ao go­ver­no con­go­lês pa­ra con­ti­nu­ar os es­for­ços pa­ra o diá­lo­go in­clu­si­vo e a ela­bo­ra­ção de um ro­tei­ro que per­mi­ta ao país sair da ins­ta­bi­li­da­de e ter um go­ver­no acei­te pe­la po­pu­la­ção.

Na quin­ta-fei­ra, de­pois de um en­con­tro com o seu ho­mó­lo­go con­go­lês Ray­mond Tshi­ban­da, o mi­nis­tro das Re­la­ções Ex­te­ri­o­res, Ge­or­ges Chi­ko­ti, ma­ni­fes­tou a sua pre­o­cu­pa­ção com a si­tu­a­ção na RDC. “An­go­la, tal co­mo mui­tos paí­ses, tem es­ta­do so­men­te a acom­pa­nhar a evo­lu­ção do pro­ces­so de diá­lo­go na RDC”, es­cla­re­ceu, adi­an­tan­do que An­go­la en­co­ra­ja o Go­ver­no con­go­lês a pros­se­guir com o diá­lo­go po­lí­ti­co na­ci­o­nal, ape­sar dos lí­de­res da opo­si­ção se re­cu­sa­rem a fa­zer par­te. Ge­or­ges Chi­ko­ti dis­se ter si­do in­for­ma­do de que o Go­ver­no con­go­lês vai man­ter o diá­lo­go aber­to aos lí­de­res da opo­si­ção pa­ra con­se­guir um acor­do e fa­zer tu­do pa­ra man­ter a sua au­to­ri­da­de e a or­dem no país. O mi­nis­tro das Re­la­ções Ex­te­ri­o­res da RDC in­for­mou so­bre as ac­ções pa­ra a actualização do fi­chei­ro elei­to­ral e ou­tras de­cor­ren­tes do pró­prio pro­ces­so elei­to­ral. “Há um pro­gres­so im­por­tan­te des­te pro­ces­so que en­co­ra­ja­mos, por­que pen­sa­mos que o diá­lo­go é a úni­ca via”, dis­se o mi­nis­tro an­go­la­no.

Num co­mu­ni­ca­do ao país, di­vul­ga­do após a on­da de vi­o­lên­cia e o re­gres­so da cal­ma à ca­pi­tal con­go­le­sa, Jo­seph Ka­bi­la ad­ver­tiu pa­ra o im­pac­to de uma even­tu­al ins­ta­bi­li­da­de na re­gião dos Gran­des La­gos, com po­ten­ci­al alas­tra­men­to a to­do o con­ti­nen­te afri­ca­no. A pre­si­den­te da Co­mis­são da União Afri­ca­na, Nko­sa­za­na Dla­mi­ni Zu­ma, tam­bém con­de­nou o que cha­mou de "gra­ves abu­sos" re­gis­ta­dos du­ran­te ma­ni­fes­ta­ções or­ga­ni­za­das por al­guns mem­bros da opo­si­ção, em Kinsha­sa.

Se­cre­tá­rio-ge­ral da ONU

Com­pos­to por 15 Es­ta­dos- mem­bros, o Con­se­lho de Se­gu­ran­ça re­a­li­zou se­gun­da-fei­ra a quin­ta ron­da de vo­ta­ção do no­vo se­cre­tá­rio-ge­ral da ONU. Dos no­ve can­di­da­tos, o en­ge­nhei­ro por­tu­guês An­tó­nio Gu­ter­res foi o mais vo­ta­do e o me­lhor po­si­ci­o­na­do ao lon­go de to­do o pro­ces­so de elei­ção. A ONU, ex­pli­cou o em­bai­xa­dor Is­ma­el Martins, ele­ge o se­cre­tá­rio-ge­ral com ba­se num pro­ces­so de ro­ta­ção ge­o­grá­fi­ca, que des­ta vez de­ve be­ne­fi­ci­ar a Eu­ro­pa do Les­te. Mas de­pen­den­do do re­sul­ta­do da elei­ção, dis­se, po­de ha­ver uma ne­go­ci­a­ção pa­ra que um can­di­da­to de ou­tra re­gião as­su­ma o car­go.

Is­ma­el Martins dis­se que o no­vo se­cre­tá­rio-ge­ral é elei­to em Ou­tu­bro pe­lo Con­se­lho de Se­gu­ran­ça e pos­te­ri­or­men­te pe­la As­sem­bleia Ge­ral, por acla­ma­ção. Quan­to à Agen­da Mun­di­al 2030, o di­plo­ma­ta afir­mou que os paí­ses afri­ca­nos es­tão a en­con­trar di­fi­cul­da­des na sua im­ple­men­ta­ção por fal­ta de fi­nan­ci­a­men­to. “O con­ti­nen­te afri­ca­no é o que mais tem di­fi­cul­da­des em im­ple­men­tar es­sa agen­da e o que tem me­lho­res pers­pec­ti­vas de de­sen­vol­vi­men­to no fu­tu­ro”, res­sal­tou, con­si­de­ran­do ne­ces­sá­ria uma re­for­ma na eco­no­mia dos paí­ses da re­gião, atra­vés da di­ver­si­fi­ca­ção, co­mo An­go­la es­tá a fa­zer.

O debate ge­ral da As­sem­bleia Ge­ral da ONU ter­mi­nou se­gun­da-fei­ra, de­pois de uma se­ma­na de dis­cur­sos dos lí­de­res dos Es­ta­dos-mem­bros, en­con­tros bi­la­te­rais e de reu­niões do Con­se­lho de Se­gu­ran­ça.

DOM­BE­LE BER­NAR­DO|NO­VA IOR­QUE

Re­pre­sen­tan­te de An­go­la jun­to das Na­ções Uni­das Is­ma­el Martins (à es­quer­da) e o em­bai­xa­dor nos Es­ta­dos Uni­dos Agos­ti­nho Tavares

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.