Oma­lã Ve­to Veya exi­be pe­ça so­bre a si­da

Jornal de Angola - - PUBLICIDADE - AN­TÓ­NIO GON­ÇAL­VES |

O gru­po de te­a­tro Oma­lã Ve­to Veya, pro­ve­ni­en­te do Bié, re­a­li­za até 8 de No­vem­bro, em Ben­gue­la, uma sé­rie de ac­ti­vi­da­des cul­tu­rais, com des­ta­que pa­ra pa­les­tras e exi­bi­ção do fil­mes, com vis­ta a aler­tar as pes­so­as so­bre a dis­cri­mi­na­ção aos do­en­tes de HIV-Si­da e as van­ta­gens da re­a­li­za­ção do tes­te vo­lun­tá­rio e da pre­ven­ção da trans­mis­são ver­ti­cal.

De acor­do com o pro­du­tor e di­rec­tor do gru­po, cu­ja de­sig­na­ção em lín­gua por­tu­gue­sa sig­ni­fi­ca “Os nos­sos fi­lhos vi­e­ram”, o ob­jec­ti­vo da ini­ci­a­ti­va é le­var in­for­ma­ção, edu­ca­ção e a co­mu­ni­ca­ção so­bre o HIV-Si­da em Ben­gue­la, pa­ra in­cen­ti­var as pes­so­as que vi­vem com a do­en­ça a fa­ze­rem te­ra­pia re­tro­vi­ral. O ob­jec­ti­vo é pas­sar es­sa men­sa­gem aos 164 mu­ni­cí­pi­os das 18 pro­vín­ci­as do país. “Pro­cu­ra­mos igual­men­te in­cen­ti­var as pes­so­as no sen­ti­do de con­vi­ve­ram nor­mal­men­te com pes­so­as in­fec­ta­das com HIV e os fun­ci­o­ná­ri­os pú­bli­cos e em­pre­ga­do­res a não dis­cri­mi­na­rem as pes­so­as que vi­vem com o HIV-Si­da”, su­bli­nhou Di­no Ki­ba­to.

In­cen­ti­var os jo­vens a ade­ri­rem ao ac­ti­vis­mo so­ci­al de for­ma vo­lun­tá­ria cons­ti­tui ou­tro dos ob­jec­ti­vos da des­lo­ca­ção do gru­po.

DR

Ac­to­res de Ben­gue­la apre­sen­tam na pro­vín­cia do Bié vá­ri­as pe­ças e pro­jec­ção de fil­mes

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.