Ex­plo­ra­ção de ouro na Huí­la aguar­da por li­cen­ça ofi­ci­al

Jornal de Angola - - ECONOMIA -

A ex­plo­ra­ção de ouro na Jam­ba, pro­vín­cia da Huí­la, com ar­ran­que pre­vis­to pa­ra 2018, aguar­da ain­da por uma li­cen­ça do Go­ver­no, re­ve­lou o ges­tor da Em­pre­sa Na­ci­o­nal de Fer­ros de An­go­la, Fer­ran­gol, Di­a­man­ti­no Aze­ve­do.

Com a ob­ten­ção da li­cen­ça do Mi­nis­té­rio da Ge­o­lo­gia e Mi­nas e a mo­bi­li­za­ção de to­dos os re­cur­sos ne­ces­sá­ri­os, a pros­pec­ção e ex­trac­ção co­me­çam den­tro de dois anos, es­ti­mou o pre­si­den­te do Con­se­lho de Administração da em­pre­sa, em en­tre­vis­ta à An­gop.

Di­a­man­ti­no Aze­ve­do pre­ci­sou que, com a ob­ten­ção, o pro­jec­to po­de cap­tar fi­nan­ci­a­men­tos, en­co­men­dar equi­pa­men­tos e ini­ci­ar a ac­ti­vi­da­de mi­nei­ra na re­gião.

“Es­sas ac­ti­vi­da­des po­dem de­mo­rar dois anos, mas tu­do de­pen­de da apro­va­ção su­pe­ri­or. Se­rá uma mi­na de pe­que­na di­men­são”, re­fe­riu. Os es­tu­dos fei­tos na con­ces­são in­di­cam que o pro­jec­to po­de evo­luir, de forma pau­la­ti­na, pa­ra uma mi­na mai­or.

Os es­tu­dos de vi­a­bi­li­da­de es­tão ter­mi­na­dos e a Fer­ran­gol aguar­da pela li­cen­ça de ex­plo­ra­ção.

Além des­se pro­jec­to na Jam­ba, exis­tem outros em fa­se de pros­pec­ção, nu­ma al­tu­ra em que o pre­ço des­sa ma­té­ria-pri­ma es­tá es­tá­vel no mer­ca­do in­ter­na­ci­o­nal, se com­pa­ra­do ao de ou­tras “com­mo­di­ti­es” da in­dús­tria mi­nei­ra, que vi­ram o seu va­lor de­pre­ci­ar-se.

A Em­pre­sa Na­ci­o­nal de Fer­ros de An­go­la tem co­mo ob­jec­to so­ci­al a pros­pec­ção, pes­qui­sa, ex­plo­ra­ção, tra­ta­men­to e co­mer­ci­a­li­za­ção de re­cur­sos mi­ne­rais me­tá­li­cos fer­ro­sos, não fer­ro­sos e pre­ci­o­sos, as­sim co­mo outros que cons­ti­tu­em ma­té­ri­a­pri­ma pa­ra a pro­du­ção de aço.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.