Abor­da­dos os ris­cos da cons­tru­ção ile­gal

Jornal de Angola - - SOCIEDADE -

O di­rec­tor téc­ni­co da re­de de ae­ro­por­tos pro­vin­ci­ais da Em­pre­sa Na­ci­o­nal de Ex­plo­ra­ção e Na­ve­ga­ção Aé­rea (ENANA-EP), con­si­de­rou no sá­ba­do, no Hu­am­bo, que o re­fle­xo e a con­fu­são de lu­zes nos ae­ro­por­tos, ali­a­do às con­di­ções me­te­o­ro­ló­gi­cas, fa­lhas e de­fei­tos de si­na­li­za­ção, de ins­ta­la­ção de equi­pa­men­to e de cons­tru­ção de in­fra-es­tru­tu­ras cons­ti­tu­em pe­ri­gos pa­ra a se­gu­ran­ça ope­ra­ci­o­nal das ae­ro­na­ves.

He­ras­mo Do­min­gos fa­la­va so­bre os “Ris­cos as­so­ci­a­dos à edi­fi­ca­ção de mo­ra­di­as nas pro­xi­mi­da­des dos ae­ro­por­tos, num “workshop” so­bre se­gu­ran­ça da avi­a­ção ci­vil.

O res­pon­sá­vel téc­ni­co da ENANA ex­pli­cou que outros pe­ri­gos pa­ra a se­gu­ran­ça ae­ro­náu­ti­ca são os obs­tá­cu­los na pis­ta, os der­ra­mes de com­bus­tí­vel, a pre­sen­ça de aves e ma­mí­fe­ros e as in­ter­fe­rên­ci­as nas co­mu­ni­ca­ções de aju­da à na­ve­ga­ção ae­ro­náu­ti­ca. As­sim sen­do, ex­pli­cou He­ras­mo Do­min­gos, a cons­tru­ção de uma obra nas pro­xi­mi­da­des de um re­cin­to ae­ro­por­tuá­rio de­ve es­tar de­vi­da­men­te si­na­li­za­da e os obs­tá­cu­los re­por­ta­dos aos ór­gãos com­pe­ten­tes e, sem­pre que pos­sí­vel, re­ti­ra­dos.

O res­pon­sá­vel es­cla­re­ceu que os ae­ró­dro­mos são cons­truí­dos pa­ra se­rem usa­dos na sua ple­ni­tu­de, pre­ven­do-se sem­pre o seu cres­ci­men­to.

Mas es­te ob­jec­ti­vo po­de fi­car com­pro­me­ti­do pela má uti­li­za­ção dos ter­re­nos em tor­no dos ae­ro­por­tos. “Os es­pa­ços em vol­ta do ae­ró­dro­mo de­vem ser man­ti­dos li­vres de obs­tá­cu­los, de mo­do que as ope­ra­ções de ater­ra­gem e des­co­la­gem pos­sam ser re­a­li­za­das com um ní­vel ade­qua­do de se­gu­ran­ça, efi­ci­ên­cia e re­gu­la­ri­da­de, bem co­mo as­se­gu­rar a pro­tec­ção de pes­so­as e bens à su­per­fí­cie”, su­bli­nhou.

He­ras­mo Do­min­gos lem­brou que a se­gu­ran­ça dos ae­ro­por­tos não in­cum­be ape­nas ao Go­ver­no, é res­pon­sa­bi­li­da­de de to­dos os ci­da­dãos.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.