Sur­pre­sa do FBI ba­ra­lha va­ti­cí­ni­os pa­ra des­fe­cho das elei­ções ame­ri­ca­nas

Jornal de Angola - - OPINIÃO - IVAN COURONNE

Os úl­ti­mos dez di­as da cam­pa­nha pre­si­den­ci­al dos Es­ta­dos Uni­dos co­me­ça­ram on­tem com uma no­va sur­pre­sa: a re­a­ber­tu­ra pe­lo FBI das in­ves­ti­ga­ções so­bre o uso por Hil­lary Clin­ton de um ser­vi­dor pri­va­do de e-mails quan­do era se­cre­tá­ria de Es­ta­do.

Do­nald Trump, o can­di­da­to re­pu­bli­ca­no que pa­re­cia es­tar a ca­mi­nhar pa­ra a der­ro­ta em 8 de No­vem­bro, apro­vei­tou a opor­tu­ni­da­de pa­ra ga­ran­tir aos seus se­gui­do­res que a cor­ri­da à Ca­sa Bran­ca ain­da não foi per­di­da.

Ele deu um no­vo sig­ni­fi­ca­do à sua cam­pa­nha: a su­pos­ta “cor­rup ção” e pro­ble­mas éti­cos da sua ri­val. “A in­ves­ti­ga­ção é o mai­or es­cân­da­lo po­lí­ti­co des­de Wa­ter­ga­te, e to­do o mun­do es­pe­ra que a jus­ti­ça se­ja fi­nal­men­te fei­ta”, afir­mou o mul­ti­mi­li­o­ná­rio num co­mí­cio em Ce­dar Ra­pids, Iowa, na sex­ta-fei­ra à noi­te.

A can­di­da­ta de­mo­cra­ta li­de­ra cla­ra­men­te as pes­qui­sas, en­quan­to a vo­ta­ção já co­me­çou em 34 dos 50 Es­ta­dos com mais de 18 mi­lhões de ame­ri­ca­nos a vo­ta­rem an­te­ci­pa­da­men­te. Nas úl­ti­mas se­ma­nas, os dois can­di­da­tos mul­ti­pli­ca­ram as su­as apa­ri­ções em Es­ta­dos co­mo Fló­ri­da, Ca­ro­li­na do Nor­te, Iowa, Ohio, New Hampshi­re e Ari­zo­na, que po­de­ri­am de­ci­dir o re­sul­ta­do da elei­ção.

As úl­ti­mas pes­qui­sas apon­tam pa­ra um li­gei­ro acir­ra­men­to nal­guns Es­ta­dos-cha­ve e a ní­vel na­ci­o­nal (45,1por cen­to con­tra 40,7 por cen­to). Nes­te con­tex­to, o anún­cio da re­a­ber­tu­ra da in­ves­ti­ga­ção pe­lo FBI com­pli­ca o fu­tu­ro da cam­pa­nha, que os de­mo­cra­tas pre­ten­di­am de­di­car a uma gran­de ope­ra­ção de mo­bi­li­za­ção.

O des­ta­que des­te fim de se­ma­na foi um gran­de show com Jen­ni­fer Lo­pez em Mi­a­mi re­a­li­za­do on­tem, na pre­sen­ça de Hil­lary Clin­ton.

Na sex­ta-fei­ra, nu­ma car­ta à Co­mis­são de As­sun­tos Ju­di­ciá­ri­os da Câ­ma­ra de Re­pre­sen­tan­tes, o di­rec­tor do FBI, Ja­mes Co­mey, in­for­mou que os seus pe­ri­tos “to­ma­ram co­nhe­ci­men­to da exis­tên­cia de emails que pa­re­cem ser per­ti­nen­tes pa­ra a nos­sa in­ves­ti­ga­ção”.

O FBI fez uma exaus­ti­va in­ves­ti­ga­ção so­bre o uso, por par­te de Hil­lary Clin­ton, de um ser­vi­dor pa­ra en­vi­ar e-mails quan­do era se­cre­tá­ria de Es­ta­do. No fi­nal da in­ves­ti­ga­ção, Co­mey anun­ci­ou, em Ju­lho des­te ano, que o FBI não apre­sen­ta­ria acu­sa­ções for­mais con­tra a de­mo­cra­ta, mas ava­li­ou que a ex-se­cre­tá­ria de Es­ta­do e os seus as­ses­so­res fo­ram “ex­tre­ma­men­te des­cui­da­dos” no tra­ta­men­to de in­for­ma­ção re­ser­va­da.

As mi­lha­res de no­vas men­sa­gens, cu­jo con­teú­do não foi re­ve­la­do, fo­ram des­co­ber­tas pe­lo FBI, se­gun­do a re­de NBC, num com­pu­ta­dor de Hu­ma Abe­din, pró­xi­ma de Hil­lary Clin­ton e mem­bro do seu ga­bi­ne­te no de­par­ta­men­to de Es­ta­do, e do seu ma­ri­do Anthony Wei­ner, de qu­em se se­pa­rou em Agos­to e que é al­vo de uma in­ves­ti­ga­ção dis­tin­ta por en­vio de men­sa­gens de cu­nho se­xu­al pa­ra uma me­nor de ida­de.

Os de­mo­cra­tas de­nun­ci­a­ram a ati­tu­de de Ja­mes Co­mey, num mo­men­to tão pró­xi­mo da elei­ção, e pe­di­ram que es­cla­re­ça a si­tu­a­ção a fim de aca­bar com os bo­a­tos so­bre as men­sa­gens des­co­ber­tas.

“Es­tou cer­ta de que is­to não mu­da­rá as con­clu­sões de Ju­lho”, afir­mou Hil­lary Clin­ton em re­la­ção à de­ci­são do FBI e do de­par­ta­men­to de Jus­ti­ça de en­cer­rar a in­ves­ti­ga­ção.

“Es­ta­mos a 11 di­as da, tal­vez, a mais im­por­tan­te elei­ção na­ci­o­nal das nos­sas vi­das. Não co­nhe­ce­mos os fac­tos, e es­ta­mos a pe­dir ao FBI que di­vul­gue to­da a in­for­ma­ção que pos­sui”, acres­cen­tou. Mas a mag­ni­tu­de do tra­ba­lho pa­ra es­tu­dar mi­lha­res de men­sa­gens tor­na im­pro­vá­vel que o FBI che­gue a no­vas con­clu­sões an­tes de 8 de No­vem­bro.

DR

Hil­lary Clin­ton can­di­da­ta de­mo­cra­ta nos EUA

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.