Ins­ti­tui­ção lan­ça cam­pa­nha de re­co­lha de li­vros di­ver­sos

Jornal de Angola - - PROVÍNCIAS - ESTÁCIO CAMASSETE |

Uma me­ga­cam­pa­nha de re­co­lha de li­vros es­tá a ser re­a­li­za­da, até o pró­xi­mo dia 8, pe­lo Ins­ti­tu­to Su­pe­ri­or de Ci­ên­ci­as de Edu­ca­ção (ISCED), no Huambo, com vis­ta a ape­tre­char a bi­bli­o­te­ca da ins­ti­tui­ção.

Com a cam­pa­nha, ini­ci­a­da a 27 de Ou­tu­bro, a di­rec­ção do ISCED pre­ten­de que pes­so­as de boa fé, quer se­jam sin­gu­lar ou co­lec­ti­vas, em­pre­sas e ins­ti­tui­ções es­ta­tais e pri­va­das do­em ma­te­ri­al di­dác­ti­co, li­vros e obras de to­do ti­po de co­nhe­ci­men­to, pa­ra aju­dar na res­tau­ra­ção da bi­bli­o­te­ca.

A cam­pa­nha re­a­li­za-se no âm­bi­to das III Jor­na­das Ci­en­tí­fi­cas do ISCED do Huambo, ce­le­bra­das sob le­ma “Cul­tu­ra Ins­ti­tu­ci­o­nal, Ga­ran­tia pa­ra a Qua­li­da­de de En­si­no na For­ma­ção de Pro­fes­so­res”, ex­pli­cou o de­ca­no do ins­ti­tu­to.

Má­rio da Cos­ta Ro­dri­gues lem­brou que, no âm­bi­to da po­lí­ti­ca do Exe­cu­ti­vo de cres­ci­men­to e do pla­no de de­sen­vol­vi­men­to ins­ti­tu­ci­o­nal, cons­ta a pro­mo­ção e a cri­a­ção de con­di­ções pa­ra a re­a­li­za­ção de ac­ti­vi­da­des ci­en­tí­fi­cas.

O even­to vi­sa di­na­mi­zar a pro­du­ção ci­en­tí­fi­ca, di­vul­gar os re­sul­ta­dos que fo­ram al­can­ça­dos em ter­mos de for­ma­ção aca­dé­mi­ca e a di­fu­são da ci­ên­cia atra­vés da pes­qui­sa e ex­ten­são uni­ver­si­tá­ria. “Es­ta­mos a re­co­lher bi­bli­o­gra­fia de to­das as áre­as do co­nhe­ci­men­to, des­de aca­dé­mi­cos a ci­en­tí­fi­cos, po­e­si­as e de di­fe­ren­tes ní­veis de en­si­no, de for­ma a re­co­lher o mai­or nú­me­ro pa­ra a nos­sa bi­bli­o­te­ca e ofe­re­cer mai­or in­for­ma­ção aos lei­to­res, por­que es­te lo­cal re­ce­be gen­te de to­das as ida­des”, re­al­çou o de­ca­no.

Má­rio Ro­dri­gues con­si­de­rou que o mo­men­to vai ser­vir igual­men­te de pon­to de re­en­con­tro de an­ti­gos es­tu­dan­tes do Ins­ti­tu­to Su­pe­ri­or de Ci­ên­ci­as de Edu­ca­ção, dai ape­lar pa­ra que es­tes do­em um exem­plar das su­as mo­no­gra­fi­as, pa­ra ser­vir de con­sul­tas pa­ra os fu­tu­ros e ac­tu­ais dis­cen­tes.

O de­ca­no dis­se que o pro­ces­so de re­co­lha é mui­to im­por­tan­te, ten­do em con­ta que “mui­ta gen­te tem li­vros de gran­de va­lor aca­dé­mi­co e ci­en­tí­fi­co, mas sem uti­li­za­ção, co­lo­ca­dos ape­nas nas pra­te­lei­ras. Se os do­a­rem à bi­bli­o­te­ca do ISCED, os ma­nu­ais vão ser mais va­lo­ri­za­dos.”

“Por­tan­to, pre­ten­de­mos, com is­so, va­lo­ri­zar gran­de par­te das obras ci­en­tí­fi­co”, dis­se o reitor.

Des­de a sua re­a­ber­tu­ra, em 2001, o Ins­ti­tu­to Su­pe­ri­or de Ci­ên­ci­as da Edu­ca­ção do Huambo (ISCED) já li­cen­ci­ou mais de três mil es­tu­dan­tes em di­fe­ren­tes cur­sos.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.