Opo­si­ção uni­da à vol­ta de Bar­row na cor­ri­da con­tra Yahya Jam­meh

Jornal de Angola - - PARTADA -

A opo­si­ção gam­bi­a­na es­co­lheu, em Ban­jul, um can­di­da­to úni­co às elei­ções presidenciais de De­zem­bro pa­ra de­fron­tar o Che­fe de Es­ta­do ces­san­te, Yahya Jam­meh, que con­cor­re pa­ra um quin­to man­da­to, no­ti­ci­ou a agên­cia de no­tí­ci­as Fran­ce Press.

Ada­ma Bar­row, 51 anos, mem­bro de di­rec­ção do Par­ti­do De­mo­crá­ti­co Uni­fi­ca­do (UDP), prin­ci­pal for­ça po­lí­ti­ca da opo­si­ção, foi de­sig­na­do, no do­min­go, pe­los de­le­ga­dos dos se­te par­ti­dos da opo­si­ção reu­ni­dos em con­ven­ção em Ban­jul, pa­ra ser o can­di­da­to úni­co às elei­ções presidenciais mar­ca­das pa­ra 1º de De­zem­bro.

O em­pre­sá­rio do sec­tor imo­bi­liá­rio ob­te­ve 308 dos 467 vo­tos du­ran­te a vo­ta­ção dos de­le­ga­dos dos di­fe­ren­tes par­ti­dos pro­ve­ni­en­tes das se­te re­giões ad­mi­nis­tra­ti­vas da Gâmbia. Os res­tan­tes três can­di­da­tos, to­dos lí­de­res de par­ti­dos da opo­si­ção, Ha­mat Bah, Ha­lif Sal­laf e La­mi Bo­jang, par­ti­lha­ram o res­to dos su­frá­gi­os.

“Pu­se­mos as nos­sas di­fe­ren­ças de la­do no in­te­res­se do país. Os gam­bi­a­nos es­tão can­sa­dos de 22 anos de má ges­tão do Pre­si­den­te Yahya Jam­meh, aos quais va­mos pôr fim quan­do for­mos às ur­nas”, dis­se Ada­ma Bar­row após a sua de­sig­na­ção no qua­dro po­lí­ti­co.

Ada­ma Bar­row, que de­fen­de a jun­ção de for­ças en­tre os par­ti­dos da opo­si­ção “pa­ra sal­var es­se país da des­trui­ção”, qua­li­fi­cou de “ri­dí­cu­la” a de­ci­são da Gâmbia de re­ti­rar-se do Tri­bu­nal Pe­nal In­ter­na­ci­o­nal, ale­ga­da­men­te por es­te “per­se­guir os afri­ca­nos, em par­ti­cu­lar os seus di­ri­gen­tes.” Ada­ma Bar­row, a seu jei­to, ti­nha qua­li­fi­ca­do es­ta de­ci­são de “ri­dí­cu­la”, con­si­de­ran­do-a um ges­to me­dro­so do po­der em per­der à elei­ção de De­zem­bro.

“Eles sa­bem que as pes­so­as vão vo­tar con­tra eles, de­vi­do ao in­cum­pri­men­to dos pro­gra­mas de go­ver­na­ção”, de­cla­rou. “É por is­so que tu­do fa­zem pa­ra se pro­te­ger.”

A opo­si­ção gam­bi­a­na anun­ci­ou a 15 de Ou­tu­bro que apre­sen­ta­va um can­di­da­to úni­co em De­zem­bro, nu­ma ra­ra ma­ni­fes­ta­ção de uni­da­de con­tra Yahya Jam­meh, co­lo­can­do de la­do “as su­as di­ver­gên­ci­as no in­te­res­se su­pre­mo da na­ção.”

Yahya Jam­meh, 51 anos, di­ri­ge o pe­que­no país da Áfri­ca Oci­den­tal há 22 anos e foi elei­to em Fe­ve­rei­ro can­di­da­to do seu par­ti­do, a Ali­an­ça pa­ra a Re­o­ri­en­ta­ção e a Cons­tru­ção Pa­trió­ti­ca (APRC), às elei­ções presidenciais do pró­xi­mo mês. Os seus apoi­an­tes re­co­nhe­cem que ele con­se­guiu con­cre­ti­zar bo­as po­lí­ti­cas.

AFP

Po­lí­ti­cos afi­nam es­tra­té­gi­as pa­ra as elei­ções

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.