An­tó­nio Gu­ter­res pres­ta ju­ra­men­to já em De­zem­bro

Jornal de Angola - - MUNDO -

O re­cém-elei­to Se­cre­tá­rio-Ge­ral das Na­ções Uni­das, An­tó­nio Gu­ter­res, pres­ta ju­ra­men­to so­bre a Car­ta da ONU, nu­ma ce­ri­mó­nia pú­bli­ca em No­va Ior­que, a 12 de De­zem­bro, anun­ci­ou uma fon­te da or­ga­ni­za­ção mun­di­al.

O ju­ra­men­to es­tá pre­vis­to pa­ra as 10h00 lo­cais (15 em An­go­la) na sa­la da As­sem­bleia Ge­ral e pe­ran­te re­pre­sen­tan­tes dos 193 Es­ta­dos mem­bros.

An­tes do ju­ra­men­to do an­ti­go pri­mei­ro-mi­nis­tro por­tu­guês e al­to-co­mis­sá­rio da ONU pa­ra os Re­fu­gi­a­dos (ACNUR), se­rá fei­ta uma ce­ri­mó­nia de ho­me­na­gem ao sul-co­re­a­no Ban Ki-mo­on, que ter­mi­na um pe­río­do de dez anos na li­de­ran­ça da or­ga­ni­za­ção. O man­da­to de cin­co anos de An­tó­nio Gu­ter­res co­mo Se­cre­tá­rio-Ge­ral co­me­ça a 1 de Ja­nei­ro. Gu­ter­res vai li­de­rar uma or­ga­ni­za­ção que co­nhe­ce bem, de­pois de ter che­fi­a­do o Al­to-Co­mis­sa­ri­a­do das Na­ções Uni­das pa­ra os Re­fu­gi­a­dos, en­tre Ju­nho de 2005 e De­zem­bro de 2015, uma agên­cia com mais de 10 mil fun­ci­o­ná­ri­os em 125 paí­ses. O man­da­to no ACNUR fi­cou mar­ca­do por al­gu­mas das mai­o­res cri­ses de re­fu­gi­a­dos e des­lo­ca­dos, no­me­a­da­men­te de­vi­do aos con­fli­tos na Sí­ria, Ira­que, Su­dão Sul, RCA e Ié­men.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.