Tra­ba­lha­do­res abor­dam re­la­ção ju­rí­di­ca la­bo­ral

Jornal de Angola - - PROVÍNCIAS - JOÃO SAL­VO |

A So­ci­e­da­de Mineira do Ca­to­ca pro­mo­veu quin­ta-fei­ra, em Sau­ri­mo, um se­mi­ná­rio su­bor­di­na­do ao te­ma “Re­la­ção ju­rí­di­co-la­bo­ral”, com o ob­jec­ti­vo de ele­var a cons­ci­ên­cia ju­rí­di­co-la­bo­ral dos tra­ba­lha­do­res.

O se­mi­ná­rio, de acor­do com o di­rec­tor do Ga­bi­ne­te Ju­rí­di­co de Ca­to­ca, To­mé Kau­pandwa­va­li, ser­viu pa­ra ele­var os co­nhe­ci­men­tos dos tra­ba­lha­do­res e lí­de­res de vá­ri­os de­par­ta­men­tos da em­pre­sa, dan­do des­ta for­ma uma con­tri­bui­ção pa­ra di­ri­mir al­guns con­fli­tos la­bo­rais que têm sur­gi­do.

O di­rec­tor do Ga­bi­ne­te Ju­rí­di­co do Mi­nis­té­rio da Ad­mi­nis­tra­ção Pú­bli­ca, Tra­ba­lho e Se­gu­ran­ça So­ci­al (MAPTSS), Je­sus Mai­a­to, que dis­ser­tou o te­ma “Cons­ti­tui­ção e con­teú­do da re­la­ção ju­rí­di­co-la­bo­ral”, es­bo­çou al­guns prin­cí­pi­os ba­se­a­dos na Lei 7/15, que é a Lei Ge­ral do Tra­ba­lho, ten­do apon­ta­do que a re­la­ção ju­rí­di­co-la­bo­ral cons­ti­tui-se com o con­tra­to do tra­ba­lho, que não ca­re­ce de uma for­ma es­cri­ta, sal­vo nos con­tra­tos por tem­po de­ter­mi­na­do.

Je­sus Mai­a­to lem­brou que a de­ter­mi­na­ção da du­ra­ção de con­tra­tos, por tem­po de­ter­mi­na­do ou in­de­ter­mi­na­do, de­pen­de da von­ta­de da en­ti­da­de em­pre­ga­do­ra e do tra­ba­lha­dor. O di­rec­tor do Ga­bi­ne­te Ju­rí­di­co fez uma in­cur­são ao De­cre­to 43/03 que cui­da do tra­ba­lha­dor por­ta­dor de VIH/Si­da no lo­cal de tra­ba­lho.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.