Ca­mões pro­mo­ve ci­clo de ci­ne­ma pa­ra crianças

Jornal de Angola - - CULTURA -

Um ci­clo de cur­tas-me­tra­gens pa­ra crianças, in­te­gra­do no “New York Por­tu­gue­se Short Fil­me Fes­ti­val” (NYPSFF), é pro­mo­vi­do nos pró­xi­mos di­as 15 e 16, a partir das 15 ho­ras, no Au­di­tó­rio Pe­pe­te­la, da Em­bai­xa­da Por­tu­gue­sa em An­go­la, nu­ma ini­ci­a­ti­va do Ca­mões-Centro Cul­tu­ral Por­tu­guês, em Lu­an­da.

O fes­ti­val co­me­ça com a exi­bi­ção de Pron­to Era As­sim, de Pa­trí­cia Rodrigues e Jo­a­na No­guei­ra, um documentário ani­ma­do com ani­ma­ções 2D.

A cur­ta-me­tra­gem nar­ra a história de vi­da de seis ido­sos que pro­ta­go­ni­zam a cur­ta-me­tra­gem, par­ti­lhan­do as su­as his­tó­ri­as de vi­da que os­ci­lam entre o pas­sa­do, pre­sen­te e fu­tu­ro.

No mes­mo dia, são exi­bi­dos, às 15h20, o fil­me Deus Pro­vi­den­ci­a­rá, de Luís Porto, um documentário que con­ta a história de uma mu­lher que vi­ve so­zi­nha e é pro­fun­da­men­te re­li­gi­o­sa, que pa­re­ce não sa­ber li­dar com uma gra­vi­dez in­de­se­ja­da.

No pri­mei­ro dia do fes­ti­val são tam­bém apre­sen­ta­dos os fil­mes Te­nho um Rio, de Ri­car­do Tei­xei­ra, Lei da Gra­vi­da­de, de Tiago Ro­saRo­sa, e Fe­ral, de Da­ni­el Sou­sa.

Pa­ra o se­gun­do e úl­ti­mo dia do fes­ti­val, es­tá agen­da­da a exi­bi­ção de mais cin­co fil­mes de­di­ca­dos a crianças, no­me­a­da­men­te Isa, de Pa­trí­cia Vi­dal Del­ga­do, O As­sal­to, de João Tem­pe­ra, Pre­fi­ro Não Di­zer, de Pedro Au­gus­to Al­mei­da, Lin­go, de Vi­cen­te Ni­rõ, e Os Cra­vos e a Ro­cha, de Luí­sa Ser­quei­ra, uma cur­ta­me­tra­gem que fa­la da história da in­ten­to­na de 25 de Abril de 1974.

O ci­ne­as­ta bra­si­lei­ro Glau­ber Ro­cha par­ti­ci­pa no fil­me que re­gis­ta a “Re­vo­lu­ção dos Cra­vos”, com o tí­tu­lo As Ar­mas e o Po­vo.

A ini­ci­a­ti­va foi or­ga­ni­za­da pe­la ins­ti­tui­ção Ar­te Ins­ti­tu­te, se­di­a­da em No­va Ior­que e di­ri­gi­da por Ana Mi­ran­da, com entrada grá­tis.

Ar­te Ins­ti­tu­te é uma ins­ti­tui­ção in­de­pen­den­te, sem fins lu­cra­ti­vos, que de­pois de No­va Ior­que, Lisboa, Rio de Ja­nei­ro e Lu­an­da, tem vin­do a alar­gar pro­gres­si­va­men­te o nú­me­ro de paí­ses on­de de­sen­vol­ve ac­ti­vi­da­des, vi­san­do di­na­mi­zar e di­fun­dir a ar­te con­tem­po­râ­nea por­tu­gue­sa, em vá­ri­as ex­pres­sões ar­tís­ti­cas, na Eu­ro­pa, Amé­ri­ca e Áfri­ca, nu­ma di­nâ­mi­ca de tri­an­gu­la­ção atlân­ti­ca.

DR

Uma das ce­nas do fil­me “Te­nho um rio”

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.