Ame­ri­ca­nos mor­tos em ata­que bom­bis­ta

Jornal de Angola - - DESPORTO -

Qua­tro ame­ri­ca­nos mor­re­ram na ma­dru­ga­da de on­tem nu­ma ex­plo­são na mai­or ba­se mi­li­tar ame­ri­ca­na no Afe­ga­nis­tão, per­to de Ca­bul, que foi rei­vin­di­ca­do pe­los ta­li­bãs, anun­ci­ou o se­cre­tá­rio nor­te-ame­ri­ca­no da De­fe­sa, Ash­ton Car­ter.

“Um ho­mem-bom­ba ma­tou dois sol­da­dos ame­ri­ca­nos e dois ele­men­tos da equi­pa mé­di­ca na ba­se de Ba­gram”, in­for­mou o res­pon­sá­vel, re­fe­rin­do que a ex­plo­são fe­riu ou­tros 16 sol­da­dos nor­te-ame­ri­ca­nos e um sol­da­do po­la­co que par­ti­ci­pa­vam da mis­são da Or­ga­ni­za­ção do Tra­ta­do do Atlân­ti­co Nor­te (OTAN).

A OTAN ti­nha con­fir­ma­do que hou­ve uma ex­plo­são na ba­se aé­rea de Ba­gram lo­go após as 05h30 (00h00 em An­go­la), com ví­ti­mas, sem pre­ci­sar o nú­me­ro de fe­ri­dos ou mor­tos nem as su­as na­ci­o­na­li­da­des.

O se­cre­tá­rio de De­fe­sa dos Es­ta­dos Uni­dos dis­se que “a pro­tec­ção das tro­pas é sem­pre uma pri­o­ri­da­de”, ga­ran­tin­do uma in­ves­ti­ga­ção ri­go­ro­sa ao su­ce­di­do pa­ra apu­rar as fa­lhas de pro­tec­ção.

Os ata­can­tes “não nos fa­zem bai­xar os bra­ços na mis­são de pro­te­ger o nos­so país e aju­dar o Afe­ga­nis­tão a ga­ran­tir o seu fu­tu­ro”, de­cla­rou Ash­ton Car­ter.

Os ser­vi­ços se­cre­tos da Rús­sia de­ti­ve­ram on­tem dez pes­so­as ale­ga­da­men­te li­ga­das ao au­to- de­no­mi­na­do Es­ta­do Is­lâ­mi­co, sus­pei­tas de pla­ne­a­rem ata­ques ter­ro­ris­tas em Mos­co­vo e em São Pe­ters­bur­go. De acor­do com o Ser­vi­ço Fe­de­ral de Se­gu­ran­ça, as dez pes­so­as eram oriun­das da Ásia Cen­tral e es­ta­vam a pla­ne­ar uma sé­rie de ac­tos de sa­bo­ta­gem e de ter­ror, com gran­de exposição me­diá­ti­ca, em Mos­co­vo e em São Pe­ters­bur­go. Os sus­pei­tos, de­ti­dos nu­ma operação em con­jun­to com os an­ti­gos Es­ta­dos so­vié­ti­cos do Ta­ji­quis­tão e do Quir­guis­tão, ad­mi­ti­ram con­tac­tos com os lí­de­res do au­to­pro­cla­ma­do Es­ta­do Is­lâ­mi­co. O pla­no era ma­tar ci­vis em áre­as com gran­de con­cen­tra­ção de pes­so­as, usan­do ar­mas au­to­má­ti­cas e po­ten­tes gra­na­das ca­sei­ras. Per­ten­cer a uma or­ga­ni­za­ção ter­ro­ris­ta é pu­ní­vel na Rús­sia com uma pe­na de dez a 20 anos de ca­deia.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.