EN­TRE­GUE PE­LO MI­NIS­TRO DA AD­MI­NIS­TRA­ÇÃO DO TER­RI­TÓ­RIO Fi­chei­ro dos ci­da­dãos elei­to­res na CNE

Jornal de Angola - - DESPORTO - ADELINA INÁCIO |

O Mi­nis­té­rio da Ad­mi­nis­tra­ção do Ter­ri­tó­rio (MAT) en­tre­gou on­tem à Co­mis­são Na­ci­o­nal Elei­to­ral (CNE) o Fi­chei­ro In­for­má­ti­co dos Ci­da­dãos Mai­o­res (FICM) con­ten­do os da­dos ac­tu­a­li­za­dos do re­gis­to elei­to­ral até 7 de No­vem­bro. O do­cu­men­to foi en­tre­gue pe­lo mi­nis­tro Bor­ni­to de Sou­sa ao pre­si­den­te da CNE, An­dré da Sil­va Ne­to.

No fi­nal do ac­to de en­tre­ga, o se­cre­tá­rio de Es­ta­do pa­ra os As­sun­tos Ins­ti­tu­ci­o­nais, Adão de Al­mei­da, dis­se que, com es­ta ac­ção, o MAT dá cum­pri­men­to àqui­lo que es­ta­be­le­ce a Lei do Re­gis­to Elei­to­ral Ofi­ci­o­so, que im­põe que, anu­al­men­te, até ao dia 15 de No­vem­bro, se pro­ce­da à en­tre­ga dos da­dos dos ci­da­dãos mai­o­res à Co­mis­são Na­ci­o­nal Elei­to­ral.

O se­cre­tá­rio de Es­ta­do afir­mou que es­te ac­to re­pre­sen­ta o com­pro­mis­so do Exe­cu­ti­vo com a trans­pa­rên­cia do pro­ces­so elei­to­ral e com o res­pei­to à Lei. O mes­mo re­a­li­za-se pe­la pri­mei­ra vez e o fi­chei­ro con­tém os da­dos dos ci­da­dãos que já fi­ze­ram a pro­va de vi­da e no­vos re­gis­tos.

Se­gun­do Adão de Al­mei­da, os da­dos apre­sen­ta­dos vão per­mi­tir à CNE pre­pa­rar as su­as ta­re­fas no âm­bi­to do pro­ces­so elei­to­ral. O MAT, dis­se, vai con­ti­nu­ar a mo­bi­li­zar os ci­da­dãos pa­ra que to­dos par­ti­ci­pem no pro­ces­so de re­gis­to elei­to­ral, por ser a con­di­ção pa­ra que fa­çam par­te da ba­se de da­dos pa­ra que a CNE pos­sa pre­pa­rar as su­as ta­re­fas. Até ao mo­men­to, qua­tro mi­lhões e 200 mil ci­da­dãos es­tão em con­di­ções de par­ti­ci­par nas elei­ções pre­vis­tas pa­ra o pró­xi­mo ano. A por­ta-voz da CNE, Jú­lia Fer­rei­ra, ex­pli­cou que o FICM é um dis­po­si­ti­vo di­gi­tal on­de cons­tam to­dos os da­dos re­fe­ren­tes aos ci­da­dãos mai­o­res, re­sul­ta­do das ope­ra­ções de re­gis­to elei­to­ral efec­tu­a­dos até ao dia 7 des­te mês.

Jú­lia Fer­rei­ra sa­li­en­tou que es­te exer­cí­cio de­cor­re da Lei do Re­gis­to Elei­to­ral e do seu re­gu­la­men­to e tra­ta-se de um ac­to que de­ve ser fei­to em anos não elei­to­rais, até ao dia 15 de No­vem­bro. As­sim, o Mi­nis­té­rio da Ad­mi­nis­tra­ção do Ter­ri­tí­rio cum­pre mais uma for­ma­li­da­de e igual­men­te os pra­zos da Lei em re­la­ção à ma­te­ri­a­li­za­ção des­te ac­to.

A por­ta-voz re­al­çou que, no âm­bi­to dos pro­ces­sos elei­to­rais, é a pri­mei­ra vez que, em tem­po útil, a Co­mis­são Na­ci­o­nal Elei­to­ral re­ce­be o Fi­chei­ro In­for­má­ti­co dos Ci­da­dãos Mai­o­res. Jú­lia Fer­rei­ra dis­se que, com o FICM, a CNE tem ago­ra mais in­for­ma­ções so­bre o re­gis­to elei­to­ral. O Fi­chei­ro In­for­má­ti­co dos Ci­da­dãos Mai­o­res con­tém in­for­ma­ções pre­ci­sas em re­la­ção aos no­mes dos elei­to­res, nú­me­ro do car­tão de elei­tor, as áre­as es­co­lhi­das pe­los ci­da­dãos pa­ra vo­tar em 2017, bem co­mo as zo­nas on­de efec­tu­a­ram o re­gis­to.

“Is­so vai per­mi­tir tam­bém à CNE sa­ber que in­ten­ções exis­tem em re­la­ção às áre­as de vo­to e aju­dar a or­ga­ni­za­ção do pro­ces­so elei­to­ral”, dis­se Jú­lia Fer­rei­ra.

FOTO CEDIDA PE­LA CNE

Mi­nis­tro Bor­ni­to de Sou­sa en­tre­ga o fi­chei­ro in­for­má­ti­co ao pre­si­den­te da Co­mis­são Na­ci­o­nal Elei­to­ral An­dré da Sil­va Ne­to

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.