Obras do Ca­zen­ga es­tão qua­se pron­tas

Jornal de Angola - - PARTADA - VIC­TO­RI­NO JO­A­QUIM |

A pri­mei­ra fa­se das obras de re­con­ver­são ur­ba­na do mu­ni­cí­pio do Ca­zen­ga, em ter­mos de in­fra-es­tru­tu­ras, es­tá qua­se con­cluí­da, in­for­mou on­tem, em Lu­an­da, o di­rec­tor do Ga­bi­ne­te Téc­ni­co de Re­con­ver­são Ur­ba­na do Ca­zen­ga e Sam­bi­zan­ga, Ben­to Soi­to, re­co­nhe­cen­do con­tu­do exis­tir um “li­gei­ro atra­so” na cons­tru­ção de ha­bi­ta­ções. As obras de in­fra-es­tru­tu­ras es­tão exe­cu­ta­das em 80 por cen­to.

A pri­mei­ra fa­se das obras de re­con­ver­são ur­ba­na do mu­ni­cí­pio do Ca­zen­ga, em ter­mos de in­fra­es­tru­tu­ras, es­tá qua­se con­cluí­da, in­for­mou on­tem, em Lu­an­da, o di­rec­tor do Ga­bi­ne­te Téc­ni­co de Re­con­ver­são Ur­ba­na do Ca­zen­ga e Sam­bi­zan­ga (GTRUC), re­co­nhe­cen­do con­tu­do exis­tir um “li­gei­ro atra­so” das obras pa­ra a cons­tru­ção de ha­bi­ta­ções.

Ben­to Soi­to fa­la­va à im­pren­sa à mar­gem de um se­mi­ná­rio so­bre “Mo­de­lo de ges­tão e ma­nu­ten­ção dos Es­pa­ços re­con­ver­ti­dos”, a fim de se re­co­lher con­tri­bui­ção pa­ra uma me­lhor ges­tão das ha­bi­ta­ções so­ci­ais, a for­ma de aqui­si­ção ou ar­ren­da­men­to das ha­bi­ta­ções, fi­nan­ci­a­men­to, ma­nu­ten­ção e su­per­vi­são de imó­veis, pa­ra além das in­fra-es­tru­tu­ras, ten­do co­mo pri­o­ri­da­de o ci­da­dão.

O di­rec­tor do GTRUC dis­se que as obras de in­fra-es­tru­tu­ras co­mo re­de eléc­tri­ca, abas­te­ci­men­to de água, te­le­co­mu­ni­ca­ções, re­de viá­ria, es­ta­ção de tra­ta­men­to e dis­tri­bui­ção de água, tra­ta­men­to de águas re­si­du­ais, ca­nal de dre­na­gem, tan­ques e re­ser­va­tó­ri­os de água já es­tão exe­cu­ta­das em cer­ca de 80 por cen­to.

O atra­so na cons­tru­ção das ha­bi­ta­ções, dis­se, de­ve-se aos cons­tran­gi­men­tos re­sul­tan­tes da cri­se fi­nan­cei­ra que afec­ta o país, in­cluin­do os pro­jec­tos sob res­pon­sa­bi­li­da­de do GTRUC. Nes­te mo­men­to, con­ti­nu­ou o res­pon­sá­vel, as obras de cons­tru­ção de ha­bi­ta­ções es­tão exe­cu­ta­das na or­dem de 10 a 15 por cen­to.

Ben­to Soi­to mos­trou-se es­pe­ran­ça­do que a si­tu­a­ção da cri­se fi­nan­cei­ra se­ja ul­tra­pas­sa­da pa­ra que se pos­sa in­cre­men­tar o pro­ces­so de cons­tru­ção de ha­bi­ta­ções. “Ape­sar da si­tu­a­ção, o mu­ni­cí­pio do Sam­bi­zan­ga já tem con­di­ções pa­ra que no pró­xi­mo ano se co­me­ce a fa­zer re­a­lo­ja­men­to das fa­mí­li­as”, acres­cen­tou.

O pro­ces­so de re­con­ver­são ur­ba­na do Ca­zen­ga e Sam­bi­zan­ga te­ve iní­cio em 2011 e tem a du­ra­ção de 15 a 20 anos. Nes­te pro­ces­so, es­tão con­tem­pla­dos vá­ri­os pro­jec­tos de cons­tru­ção, pa­ra além das in­fra-es­tru­tu­ras, zo­nas de la­zer, ha­bi­ta­ções, equi­pa­men­tos so­ci­ais e edi­fí­ci­os pú­bli­cos, a fim de con­fe­rir e pro­por­ci­o­nar me­lho­res con­di­ções de vi­da pa­ra os ci­da­dãos, prin­ci­pal­men­te os que vi­vem em zo­nas de ris­co. Ao dis­cur­sar no ac­to de aber­tu­ra do se­mi­ná­rio, o se­cre­tá­rio pa­ra os As­sun­tos Re­gi­o­nais da Ca­sa Ci­vil do Pre­si­den­te da Re­pú­bli­ca, Ade­li­no Pei­xo­to, dis­se que o te­ma do se­mi­ná­rio “Mo­de­lo de ges­tão e ma­nu­ten­ção dos Es­pa­ços re­con­ver­ti­dos” apre­sen­ta-se co­mo ac­tu­al e per­ti­nen­te.

O se­mi­ná­rio, dis­se Ade­li­no Pei­xo­to, sur­ge co­mo um ele­men­to que per­mi­ti­rá dis­cu­tir os mo­de­los de ges­tão ur­ba­na a apli­car e, so­bre­tu­do, per­mi­ti­rá co­lher con­tri­bui­ções so­bre que cri­té­ri­os e ca­mi­nhos tri­lhar pa­ra a con­cep­ção de re­gu­la­men­tos e nor­mas que ga­ran­tam a efi­ci­ên­cia e a efi­cá­cia da ges­tão das ha­bi­ta­ções so­ci­ais e das res­pec­ti­vas in­fra-es­tru­tu­ras.

A ges­tão ur­ba­na tem-se con­fi­gu­ra­do co­mo um dos de­sa­fi­os diá­ri­os nos paí­ses em de­sen­vol­vi­men­to, on­de os ins­tru­men­tos de pla­ne­a­men­to não são in­ter­pre­ta­dos com o ri­gor de­se­ja­do, re­dun­dan­do na fra­ca ca­pa­ci­da­de de ges­tão, por fal­ta de re­gu­la­men­tos e nor­mas que de­fi­nam, de for­ma cla­ra, os cam­pos de ac­ção das au­to­ri­da­des ad­mi­nis­tra­ti­vas.

O se­mi­ná­rio, que dis­cu­te te­mas co­mo “Organização e res­pon­sa­bi­li­da­de do Ga­bi­ne­te Téc­ni­co de Re­con­ver­são Ur­ba­na do Ca­zen­ga e Sam­bi­zan­ga”, “Prin­cí­pi­os da ha­bi­ta­ção so­ci­al” e “Ele­men­tos de ma­nu­ten­ção de ha­bi­ta­ção so­ci­al”, ter­mi­na ho­je. Par­ti­ci­pam no en­con­tro res­pon­sá­veis das ad­mi­nis­tra­ções mu­ni­ci­pais e re­pre­sen­tan­tes da sociedade ci­vil.

DOMBELE BERNARDO

Ha­bi­ta­ções que em bre­ve vão con­fe­rir dig­ni­da­de à vi­da dos mu­ní­ci­pes do Ca­zen­ga

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.