“Água pa­ra To­dos” che­ga aos bair­ros do Lon­duim­ba­li

Jornal de Angola - - PROVÍNCIAS - JUSTINO VITORINO |

Mais de ses­sen­ta mil fa­mí­li­as no mu­ni­cí­pio do Lon­duim­ba­li, na pro­vín­cia do Hu­am­bo, be­ne­fi­ci­am, des­de ter­ça-fei­ra, de um no­vo sis­te­ma de cap­ta­ção, tra­ta­men­to e dis­tri­bui­ção de água po­tá­vel.

O equi­pa­men­to so­ci­al fun­ci­o­na com pai­néis so­la­res e foi cons­truí­do no âm­bi­to do pro­gra­ma do Exe­cu­ti­vo “Água pa­ra To­dos, com ob­jec­ti­vo de me­lho­rar as con­di­ções so­ci­ais bá­si­cos das po­pu­la­ções.

O ad­mi­nis­tra­dor ad­jun­to do mu­ni­cí­pio do Lon­duim­ba­li, Pau­lo Mo­ma, re­fe­riu que o for­ne­ci­men­to de água aos mu­ní­ci­pes des­ta re­gião cons­ta das pri­o­ri­da­de do Exe­cu­ti­vo. Se­gun­do Pau­lo Mo­ma, com a cons­tru­ção do no­vo sis­te­ma de cap­ta­ção e dis­tri­bui­ção de água as po­pu­la­ções dei­xam de per­cor­rer lon­gas dis­tân­ci­as pa­ra ad­qui­rí-la.

Os mu­ní­ci­pes aplau­di­ram os es­for­ços do Go­ver­no, por ter co­lo­ca­do à sua dis­po­si­ção o sis­te­ma de água ca­na­li­za­da, que, de for­ma gra­du­al, vai con­tri­buir na re­du­ção de do­en­ças di­ar­rei­cas agu­das nas co­mu­ni­da­des.O so­ba gran­de Cle­men­ti­no Nhan­ga, dis­se que há mui­tos anos que ele e os de­mais mo­ra­do­res de­pen­di­am ape­nas de ri­os.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.