Trans­por­te sus­ten­tá­vel do­mi­na encontro glo­bal

Jornal de Angola - - SOCIEDADE -

As ne­ces­si­da­des de paí­ses em si­tu­a­ções es­pe­ci­ais, prin­ci­pal­men­te os me­nos de­sen­vol­vi­dos, as pe­que­nas ilhas e as na­ções sem aces­so ao mar fo­ram abor­da­das na pri­mei­ra Con­fe­rên­cia Glo­bal so­bre Trans­por­te Sus­ten­tá­vel, re­a­li­za­da sá­ba­do e do­min­go, na ca­pi­tal do Tur­co­me­nis­tão, Ashkha­bad.

En­tre os de­sa­fi­os men­ci­o­na­dos no even­to, or­ga­ni­za­do pe­la ONU, es­tão o al­to cus­to do sec­tor dos trans­por­tes, o aces­so res­tri­to ao mar, os ser­vi­ços aé­re­os li­mi­ta­dos em al­guns paí­ses, tan­to pa­ra pas­sa­gei­ros quan­to pa­ra car­ga, e as di­fi­cul­da­des pa­ra se con­se­guir in­ves­ti­men­tos.

O Sub­se­cre­tá­rio-Ge­ral da ONU pa­ra os Paí­ses Me­nos De­sen­vol­vi­dos, Gyan Acharya, lem­brou que 1,1 mil mi­lhões de pes­so­as vi­vem nes­sas na­ções, por is­so a im­por­tân­cia da in­clu­são nas dis­cus­sões so­bre trans­por­tes sus­ten­tá­veis.

Gyan Acharya acen­tu­ou que es­ses ci­vis não têm “co­nec­ti­vi­da­de” cons­tan­te com as ro­do­vi­as, ape­sar de 1,2 mil mi­lhões de veí­cu­los cir­cu­la­rem nes­ses paí­ses, o que cria uma dis­pa­ri­da­de em ter­mos de trans­por­tes, que é ain­da mais acen­tu­a­da nas zo­nas ru­rais.

A con­fe­rên­cia no Tur­co­me­nis­tão jun­tou re­pre­sen­tan­tes da ONU, de go­ver­nos, do sec­tor pri­va­do e da so­ci­e­da­de ci­vil. Na aber­tu­ra do encontro, o se­cre­tá­rio-ge­ral da ONU, Ban Ki-mo­on, de­fen­deu a pro­mo­ção do ci­clis­mo e das ca­mi­nha­das.

MOTA AM­BRÓ­SIO

Um ân­gu­lo da ci­da­de bra­si­lei­ra do Rio de Ja­nei­ro que é vi­si­ta­da por mi­lha­res de tu­ris­tas

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.