Em­ma Mo­ra­no tem 117 anos

Jornal de Angola - - DESPORTO -

A pes­soa mais ve­lha do mun­do fez ter­ça-fei­ra 117 anos e ho­je é fe­li­ci­ta­da pe­las au­to­ri­da­des de Ver­ba­na, Itá­lia. Tra­ta-se da italiana Em­ma Mo­ra­no, nas­ci­da a 29 de No­vem­bro de 1899, que é a úl­ti­ma pes­soa nas­ci­da no sé­cu­lo XIX que ain­da es­tá vi­va. O se­gre­do da lon­ge­vi­da­de? “Co­mo dois ovos por dia e é is­so. E bo­la­chas. Mas não co­mo mui­to, por­que não te­nho den­tes”, ex­pli­cou a mu­lher à AFP.

Em­ma é a mais ve­lha de oi­to ir­mãos, mas aca­bou por vi­ver mais do que to­dos eles. Vi­veu so­zi­nha: dei­xou o ma­ri­do em 1938 e o seu úni­co fi­lho mor­reu em cri­an­ça. Pas­sou a vi­da a tra­ba­lhar nu­ma fá­bri­ca de sa­cos de se­ra­pi­lhei­ra.

A so­li­dão só aca­bou quan­do se tor­nou uma das pes­so­as mais ve­lhas do mun­do e quan­do co­me­ça­ram a apa­re­cer vi­si­tan­tes de to­do o mun­do pa­ra os ani­ver­sá­ri­os. “As pes­so­as vêm, não con­vi­do nin­guém, mas as pes­so­as vêm de to­do o la­do pa­ra me ver”, dis­se.

As comemorações, or­ga­ni­za­das ho­je pe­las au­to­ri­da­des de Ver­ba­na, vão con­tar com um con­cer­to de mú­si­ca tra­di­ci­o­nal dos três sé­cu­los por que pas­sou Em­ma, com uma re­pre­sen­ta­ção da vi­da de Em­ma, e ain­da com a apre­sen­ta­ção de uma bi­o­gra­fia da mu­lher, in­ti­tu­la­da “A Mu­lher Que Viu Três Sé­cu­los”.

O úni­co mem­bro ain­da vi­vo dos co­man­dos 'jiha­dis­tas' res­pon­sá­veis pe­los aten­ta­dos de 13 de No­vem­bro de 2015 em Pa­ris, Sa­lah Ab­des­lam, con­vo­ca­do se­gun­da-fei­ra pe­ran­te um juiz an­ti­ter­ro­ris­ta, re­cu­sou res­pon­der às per­gun­tas, in­for­mou fon­te ju­di­ciá­ria. Vá­ri­as ve­zes in­ter­ro­ga­do des­de que foi trans­fe­ri­do da Bél­gi­ca pa­ra Fran­ça no fi­nal de Abril, o sus­pei­to cha­ve dos aten­ta­dos que cau­sa­ram 130 mor­tos em Pa­ris e em Saint-De­nis (su­búr­bio a nor­te) sem­pre se re­cu­sou a fa­lar.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.