Fó­rum aler­ta mun­do pa­ra ges­tão ur­ba­na

Jornal de Angola - - PARTADA -

do Fó­rum Ur­ba­no Mun­di­al en­cer­rou on­tem, em Ku­a­la Lum­pur, de­pois de se­te di­as de ace­sos de­ba­tes à vol­ta da pro­ble­má­ti­ca do as­sen­ta­men­to hu­ma­no. Sob os aus­pí­ci­os das Na­ções Uni­das, o even­to de­cor­reu sob o le­ma “Ci­da­de pa­ra To­dos” e con­gre­gou 22 mil pes­so­as, pro­ve­ni­en­tes de 165 paí­ses. O fó­rum jun­tou ain­da 100 mi­nis­tros que che­fi­a­ram as res­pec­ti­vas de­le­ga­ções.

O fi­nal dos tra­ba­lhos foi mar­ca­do por uma de­cla­ra­ção, subs­cri­ta por to­das as de­le­ga­ções, na qual se des­ta­ca a pre­ten­são dos par­ti­ci­pan­tes de dar bom an­da­men­to ao pro­jec­to das Na­ções Uni­das de ur­ba­ni­za­ção e in­fra-es­tru­tu­ra­ção de ci­da­des e vi­las.

“Os go­ver­nos de­vem adop­tar no­vos mé­to­dos de go­ver­na­ção, que per­mi­tam co­e­rên­cia em ter­mos de as­sen­ta­men­to hu­ma­no, por­que ne­nhu­ma so­ci­e­da­de atin­ge o cres­ci­men­to sem que te­nha ga­ran­ti­da ha­bi­ta­ção con­dig­na”, lê­se no do­cu­men­to.

A no­ta, que ser­ve de do­cu­men­to cha­ve pa­ra o pró­xi­mo even­to, que te­rá lu­gar em Abu Dha­bi (Emi­ra­dos Ára­bes Uni­dos), em 2020, diz ain­da que as cri­ses, co­mo ca­tás­tro­fes na­tu­rais, afec­tam so­bre­ma­nei­ra as lo­ca­li­da­des que não es­tão ur­ba­ni­za­das e cau­sam, con­se­quen­te­men­te, gran­des em­ba­ra­ços às po­pu­la­ções des­tes lo­cais.

“Os go­ver­nos, ao tra­ça­rem as po­lí­ti­cas de ur­ba­nis­mo e ha­bi­ta­ção, não de­vem dei­xar de la­do as po­pu­la­ções de zo­nas pe­ri­fé­ri­cas ou de lo­ca­li­da­des recôn­di­tas”, acres­cen­ta a de­cla­ra­ção. An­go­la es­te­ve pre­sen­te nes­te even­to com uma de­le­ga­ção che­fi­a­da pe­la mi­nis­tra do Or­de­na­men­to do Ter­ri­tó­rio e Ha­bi­ta­ção, Ana Pau­la de Car­va­lho. Além de fun­ci­o­ná­ri­os do mi­nis­té­rio, in­te­gra­ram a co­mi­ti­va an­go­la­na téc­ni­cos dos mi­nis­té­ri­os do Am­bi­en­te e das Re­la­ções Ex­te­ri­o­res.

Du­ran­te o fó­rum, Ana Pau­la de Car­va­lho in­ter­veio nu­ma me­sa re­don­da mi­nis­te­ri­al, na qual apre­sen­tou o pro­jec­to da No­va Agen­da Ur­ba­na do país, re­al­çan­do os pas­sos que o Exe­cu­ti­vo an­go­la­no es­tá a dar, em ter­mos de in­fra­es­tru­tu­ra­ção nas zo­nas ru­rais.

A mi­nis­tra des­do­brou­se ain­da em con­tac­tos com vá­ri­as de­le­ga­ções, com as quais tro­cou ex­pe­ri­ên­cia e se­me­ou ba­ses pa­ra a cap­ta­ção de apoi­os di­ver­sos pa­ra o sec­tor que di­ri­ge.

Ana Pau­la de Car­va­lho en­ce­tou, na úl­ti­ma se­gun­da-fei­ra, o con­tac­to de mai­or in­ci­dên­cia da agen­da em Ku­a­la Lum­pur, ao abor­dar, com a se­cre­tá­ria exe­cu­ti­va das Na­ções Uni­das pa­ra o As­sen­ta­men­to Hu­ma­no, Ami­na Mo­am­med, ques­tões so­bre o pro­ces­so de ur­ba­ni­za­ção em co­mu­ni­da­des an­go­la­nas e a ne­ces­si­da­de de An­go­la ob­ter apoi­os da ONU e de ou­tras en­ti­da­des pa­ra dar im­pul­so aos seus pro­gra­mas.

Na mes­ma sen­da de es­cla­re­ci­men­to so­bre a No­va Agen­da Ur­ba­na de An­go­la, o di­rec­tor na­ci­o­nal da Ha­bi­ta­ção, Adri­a­no da Sil­va, pro­fe­riu uma pa­les­tra, na qual in­for­mou os de­ta­lhes que en­vol­vem o pro­gra­ma an­go­la­no de ur­ba­ni­za­ção.

Ain­da nes­ta es­tei­ra, o ar­qui­tec­to An­tó­nio Ga­mei­ro, con­sul­tor do Mi­nis­té­rio do Or­de­na­men­to do Ter­ri­tó­rio e Ha­bi­ta­ção, foi ora­dor nu­ma pa­les­tra su­bor­di­na­da ao te­ma “Ur­ba­ni­za­ção nas Ci­da­des dos Paí­ses da Co­mu­ni­da­de de Lín­gua Ofi­ci­al Por­tu­gue­sa”.

XXX | EDIÇÕES NOVEMBRO Mi­nis­tra do Or­de­na­men­to do Ter­ri­tó­rio e Ha­bi­ta­ção

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.