Na­mi­be

Jornal de Angola - - REGIÕES - Arão Martins

ES­TA­ÇÃO AGRÍCOLA PO­DE SER CEN­TRO DE IN­VES­TI­GA­ÇÃO

A Es­ta­ção Ex­pe­ri­men­tal Agrícola do Na­mi­be po­de trans­for­mar­se em um Cen­tro de In­ves­ti­ga­ção, de for­ma a afe­rir mai­or qua­li­da­de nas pes­qui­sas, no âm­bi­to da re­vi­ta­li­za­ção agro­nó­mi­ca em cur­so no país. A in­ten­ção foi ma­ni­fes­ta­da pe­lo res­pon­sá­vel da re­fe­ri­da es­ta­ção agrícola, Adri­a­no André, ten­do sa­li­en­ta­do que uma das exi­gên­ci­as pa­ra a con­cre­ti­za­ção de tal de­si­de­ra­to é a exis­tên­cia de pe­lo me­nos dois la­bo­ra­tó­ri­os.

LUBANGO

VI­LA DE CASSINGA TEM UM ENFERMEIRO

A lo­ca­li­da­de de Cassinga, mu­ni­cí­pio da Jam­ba, na Huí­la, tem ape­nas um enfermeiro pa­ra aten­der mais de 20 mil ha­bi­tan­tes, dos bair­ros Mit­cha, Tchi­pia, Cam­bis­sa, Moyon­go, Li­te­ve e Cawen­go, in­for­mou on­tem o che­fe do pos­to de saú­de lo­cal. Bap­tis­ta Ca­ti­va dis­se que a pro­cu­ra dos ser­vi­ços de saú­de em Cassinga é cons­tan­te e por dia são aten­di­dos en­tre 30 a 45 pa­ci­en­tes, com a malária, do­en­ças di­ar­rei­cas agu­das e a tos­se a li­de­ra­rem o grá­fi­co de ca­sos aten­di­dos com frequên­cia na­que­le pos­to de saú­de.

Dis­se que o pos­to mé­di­co de Cassinga, que fun­ci­o­na há cin­co anos, apre­sen­ta vá­ri­as áre­as, en­tre as quais de ser­vi­ços pré-na­tais, pu­e­ri­cul­tu­ra, me­di­ci­na e pediatria e a do pro­gra­ma alar­ga­do de va­ci­na­ção. A ca­deia de frio fun­ci­o­na com su­ces­so, o que ga­ran­te a con­ser­va­ção das va­ci­nas que são atri­buí­das àque­la lo­ca­li­da­de. Bap­tis­ta Ca­ti­va dis­se que são ne­ces­sá­ri­os mais cin­co en­fer­mei­ros pa­ra se col­ma­tar a la­cu­na.

MALÁRIA NO UÍ­GE MÉ­DI­COS E EN­FER­MEI­ROS COM MAIS CO­NHE­CI­MEN­TOS

A di­rec­ção pro­vin­ci­al da Saú­de es­tá a re­a­li­zar se­mi­ná­ri­os de su­pe­ra­ção téc­ni­ca aos mé­di­cos e en­fer­mei­ros dos de­zas­seis mu­ni­cí­pi­os pa­ra tra­ta­rem cor­rec­ta­men­te os ca­sos de malária e ou­tras pa­to­lo­gi­as si­mi­la­res. O se­mi­ná­rio, que con­ta tam­bém com a pre­sen­ça de téc­ni­cos de la­bo­ra­tó­rio, re­a­li­za-se em par­ce­ria com a Uni­ver­si­da­de Kim­pa Vi­ta. O se­mi­ná­rio, que es­tá a ser mi­nis­tra­do por téc­ni­cos da di­rec­ção pro­vin­ci­al da Saú­de vi­sa ac­tu­a­li­zar as in­for­ma­ções e a te­ra­pia cor­rec­ta pa­ra os ca­sos de malária sim­ples, bem co­mo iden­ti­fi­car cor­rec­ta­men­te ou­tras pa­to­lo­gi­as si­mi­la­res, ten­do em con­ta que nos úl­ti­mos me­ses ve­ri­fi­ca-se o uso in­cor­rec­to de al­guns fár­ma­cos no com­ba­te à malária, se­gun­do o mé­di­co San­di Rodrigues. Ain­da de acor­do com San­di Rodrigues exis­tem ou­tras do­en­ças de di­ag­nós­ti­co se­me­lhan­te à malária, que in­du­zem em er­ro os mé­di­cos a pres­cre­ve­rem a mes­ma te­ra­pia, até pa­ra os ca­sos mais gra­ves de malária.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.