Jornal de Angola

OPO­SI­TOR RUS­SO TEM AL­TA HOS­PI­TA­LAR

- Health · Medicine · Russia · Germany · Moscow

O lí­der da opo­si­ção rus­sa, Ale­xey Na­valny, re­ce­beu, on­tem, al­ta hos­pi­ta­lar, de­pois de ter es­ta­do vá­ri­as se­ma­nas a re­ce­ber tra­ta­men­to mé­di­co na sequên­cia do en­ve­ne­na­men­to.

Na­valny, 44 anos, sen­tiu-se mal du­ran­te um voo, na Rús­sia, em 20 de Agos­to, e foi de iní­cio ad­mi­ti­do num hos­pi­tal si­be­ri­a­no an­tes de ser trans­fe­ri­do pa­ra a Ale­ma­nha, on­de foi con­cluí­do que foi en­ve­ne­na­do por No­vit­chok uma subs­tân­cia neu­ro­tó­xi­ca con­ce­bi­da por es­pe­ci­a­lis­tas so­vié­ti­cos com fins mi­li­ta­res. Mos­co­vo re­jei­tou qual­quer res­pon­sa­bi­li­da­de no ca­so. Em co­mu­ni­ca­do emi­ti­do on­tem, o hos­pi­tal Cha­ri­te re­fe­re que "o es­ta­do de saú­de do pa­ci­en­te me­lho­rou o su­fi­ci­en­te pa­ra ele po­der re­ce­ber al­ta do ser­vi­ço de in­ter­na­men­to", avan­ça a "Sky News". "Com ba­se no pro­gres­so do pa­ci­en­te e na sua con­di­ção ac­tu­al, os mé­di­cos acre­di­tam que é pos­sí­vel uma re­cu­pe­ra­ção com­ple­ta. Con­tu­do, é ain­da de­ma­si­a­do ce­do pa­ra ava­li­ar os po­ten­ci­ais efei­tos a lon­go pra­zo do en­ve­ne­na­men­to", po­de ain­da ler-se.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola