Fi­nan­ças Pú­bli­cas apon­tam pri­o­ri­da­des

Mi­nis­tro Ar­cher Man­guei­ra enun­ci­ou as li­nhas ge­rais pa­ra que o sec­tor con­cre­ti­ze a re­a­li­za­ção dos an­go­la­nos

Jornal de Economia & Financas - - Finanças -

Omi­nis­tro das Fi­nan­ças, Ar­cher Man­guei­ra, pro­me­teu, no cair de 2016, quan­do pers­pec­ti­va­va tam­bém já o de­sa­fi­a­dor 2017, que vai adop­tar me­di­das pa­ra que, no no­vo ano, as fi­nan­ças pú­bli­cas na­ci­o­nais co­nhe­çam di­as me­lho­res, ajus­tan­do-se aos re­cur­sos dis­po­ní­veis. Nes­se sen­ti­do, apon­tou as me­di­das pa­ra que o su­ces­so pre­ten­di­do se­ja ma­te­ri­a­li­za­do e com os quais acre­di­ta po­de­rem ser bem su­ce­di­dos.

- A adop­ção de uma pos­tu­ra e en­ga­ja­men­to ple­no, ten­do co­mo fo­co a re­so­lu­ção dos pro­ble­mas co­lec­ti­vos, com o em­pe­nho de to­dos os an­go­la­nos;

- Se­rá de­di­ca­da uma aten­ção es­pe­ci­al à des­pe­sa pú­bli­ca, cor­ri­gin­do o des­per­dí­cio e im­pon­do-se mai­or dis­ci­pli­na;

- Con­tri­buir pa­ra a cor­rec­ção dos de­se­qui­lí­bri­os ma­cro­e­co­nó­mi­cos e pa­ra melhorar a co­or­de­na­ção da po­lí­ti­ca fis­cal e mo­ne­tá­ria;

- Fo­car-se na me­lho­ria da qua­li­da­de da des­pe­sa, na ra­ci­o­na­li­za­ção dos gas­tos pú­bli­cos, na me­lho­ria da efi­ci­ên­cia e da efi­cá­cia do in­ves­ti­men­to pú­bli­co;

- Apri­mo­rar a mo­ni­to­ri­za­ção da exe­cu­ção fí­si­ca e fi­nan­cei­ra dos pro­jec­tos ga­ran­ti­dos com fi­nan­ci­a­men­to ex­ter­no, ga­ran­ti­dos ou não com pe­tró­leo;

- A pros­se­cu­ção da re­for­ma tri­bu­tá­ria, fo­ca­da na me­lho­ria da arrecadação de re­cei­ta, no alar­ga­men­to da ba­se tri­bu­tá­ria, no com­ba­te à fu­ga e eva­são fis­cal e na me­lho­ria dos ser­vi­ços pres­ta­dos aos con­tri­buin­tes;

Ora­ções e re­si­li­ên­cia

Au­gu­ran­do um fe­liz ano no­vo, o mi­nis­tro das Fi­nan­ças pe­diu a ca­da um que, de acor­do com as su­as cren­ças, fa­ça a sua ora­ção de gra­ças e con­ti­nue re­si­li­en­te, for­te e com gos­to pe­la vi­da, pa­ra “jun­tos ul­tra­pas­sar­mos as ad­ver­si­da­des e acu­mu­lar­mos mui­tos sor­ri­sos em 2017.

En­quan­to guar­dião das fi­nan­ças na­ci­o­nais, Ar­cher Man­guei­ra di­ri­giu-se aos an­go­la­nos, de uma for­ma ge­ral, com um pe­di­do de des­cul­pas pe­las ad­ver­si­da­des vi­vi­das ao lon­go de 2016, lem­bran­do con­tu­do a con­jun­tu­ra que ex­pli­ca tal si­tu­a­ção.

“Uma das evi­dên­ci­as da si­tu­a­ção mui­to di­fí­cil que vi­ve­mos em 2016 foi de­mons­tra­da nes­te pe­río­do de fi­nal de ano”, dis­se o mi­nis­tro.

PAULINO DAMIÃO

O Mi­nis­té­rio das Fi­nan­ças de­ve­rá ter um ano de 2017 cheio de ta­re­fas ten­do em vis­ta o al­can­ce de bons re­sul­ta­dos

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.