BNA cum­pre acor­do bi­la­te­ral com a Na­mí­bia

Val­ter Fi­li­pe foi re­ce­bi­do pe­lo Pre­si­den­te Ha­ge Gein­gob por oca­sião da vi­si­ta de di­as que efec­tu­ou com o ob­jec­ti­vo de dar se­gui­men­to ao pla­no de re­com­pra dos kwan­zas em pos­se do Ban­co da Na­mí­bia

Jornal de Economia & Financas - - Primeira Página -

OA­cor­do de Con­ver­são Mo­ne­tá­ria en­tre An­go­la e a Na­mí­bia foi re­vis­to, re­cen­te­men­te, após des­lo­ca­ção de uma co­mi­ti­va do ban­co cen­tral an­go­la­no à Windho­ek pa­ra tal fim.

Che­fi­a­da pe­lo go­ver­na­dor Val­ter Fi­li­pe da Sil­va, a co­mi­ti­va cum­priu a agen­da de tra­ba­lhos, com o sen­ti­do de har­mo­ni­zar al­gu­mas cláu­su­las do Acor­do de Con­ver­são Mo­ne­tá­ria ru­bri­ca­do a 22 de Se­tem­bro de 2014.

Além do en­con­tro en­tre Val­ter Fi­li­pe da Sil­va e o seu ho­mó­lo­go Ipum­bu Shi­mi, bem co­mo da vi­si­ta de cons­ta­ta­ção do fun­ci­o­na­men­to do BON (Ban­co Cen­tral da Na­mí­bia), os ges­to­res an­go­la­nos es­ta­be­le­ce­ram uma pla­ta­for­ma de fa­ci­li­ta­ção do co­mér­cio trans­fron­tei­ri­ço en­tre San­ta Cla­ra (An­go­la) e Oshi­kan­go (Na­mí­bia).

O Acor­do de Con­ver­são Mo­ne­tá­ria in­ci­de, prin­ci­pal­men­te, so­bre a vi­a­bi­li­za­ção do câm­bio di­rec­to en­tre o kwan­za e o dó­lar na­mi­bi­a­no em agên­ci­as ban­cá­ri­as, ca­sas de câm­bio ou ou­tros agen­tes au­to­ri­za­dos em ca­da um dos paí­ses, por ci­da­dãos an­go­la­nos e na­mi­bi­a­nos; a con­ver­são le­gal das du­as mo­e­das su­jei­ta à ta­xa de câm­bio do dia apli­cá­vel e o li­mi­te das tran­sac­ções de moeda (kwan­za), pe­las pes­so­as sin­gu­la­res re­si­den­tes cam­bi­ais mai­o­res de 18 anos.

A de­le­ga­ção an­go­la­na foi cons­ti­tuí­da pe­los Ad­mi­nis­tra­do­res Ana Pau­la do Pa­tro­cí­nio e An­tó­nio Ra­mos da Cruz, e pe­los di­rec­to­res dos de­par­ta­men­tos de Es­ta­tís­ti­ca, Con­tro­lo Cam­bi­al e Ga­bi­ne­te de Re­la­ções In­ter­na­ci­o­nais, ten­do si­do tam­bém re­ce­bi­da pe­lo Pre­si­den­te da Re­pú­bli­ca da Na­mí­bia, Ha­ge Gein­gob.

Em De­zem­bro de 2015, cer­ca de seis me­ses de­pois, os ban­cos Na­ci­o­nal de An­go­la (BNA) e da Na­mí­bia (BON) de­ci­di­ram pe­la sus­pen­são do Acor­do de Con­ver­são Mo­ne­tá­ria, até que es­ti­ves­sem cri­a­das as con­di­ções pa­ra a ma­te­ri­a­li­za­ção de um no­vo mo­de­lo de im­ple­men­ta­ção do com­pro­mis­so.

Da­dos, na al­tu­ra avan­ça­dos à im­pren­sa, da­vam con­ta da exis­tên­cia no sis­te­ma fi­nan­cei­ro na­mi­bi­a­no de uma va­lor de 32 mil mi­lhões de kwan­zas (equi­va­len­te, em 2015, em cer­ca de 390 mi­lhões de dó­la­res), os quais aguar­da­vam pe­la re­com­pra do ban­co cen­tral an­go­la­no.

De acor­do com a par­te na­mi­bi­a­na, es­tá em fal­ta a re­com­pra de 200 mi­lhões de dó­la­res, o que se­rá fei­to em qua­tro prestações.

ES­TÁ EM FAL­TA A RE­COM­PRA DE 200 MI­LHÕES DE DÓ­LA­RES, E QUE SE­RÁ FEI­TA EM QUA­TRO PRESTAÇÕES

DR

Ban­cos Cen­trais de An­go­la e da Na­mí­bia se­guem à ris­ca pla­no de re­com­pra

CEDIDA

Pre­si­den­te na­mi­bi­a­no Ha­ge Gein­gob saú­da Val­ter Fi­li­pe da Sil­va (à es­quer­da)

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.