SA­DIA im­pe­di­da de ge­rir di­rei­tos

Es­ta re­cen­te de­ci­são sur­ge por for­ça de um de­cre­to pre­si­den­ci­al

Jornal de Economia & Financas - - Lazer -

A Sociedade An­go­la­na dos Di­rei­tos Au­to­rais (SA­DIA) es­tá im­pe­di­da do exer­cí­cio da ac­ti­vi­da­de de en­ti­da­de de ges­tão co­lec­ti­va de di­rei­tos de au­tor e co­ne­xos, co­mo con­sequên­cia da não ade­qua­ção ao De­cre­to Pre­si­den­ci­al n.” 114/16, de 30 de Maio, in­for­mou, es­ta se­ma­na, em Lu­an­da, a Di­rec­ção Na­ci­o­nal dos Di­rei­tos do Au­tor e Co­ne­xos (DNADC).

De acor­do com a ins­ti­tui­ção afec­ta ao Mi­nis­té­rio da Cul­tu­ra, em fun­ção da en­tra­da em vi­gor do di­plo­ma em cau­sa a Sa­dia ti­nha seis me­ses pa­ra ade­quar-se ao di­plo­ma em re­fe­rên­cia que re­gu­la a or­ga­ni­za­ção e exer­cí­cio da ac­ti­vi­da­de das en­ti­da­des de ges­tão co­lec­ti­va dos di­rei­tos de au­tor e co­ne­xos.

Em no­ta de im­pren­sa en­vi­a­da à An­gop, a en­ti­da­de avan­ça que ape­nas a Unac-SA cum­priu com a re­co­men­da­ção le­gal de ade­qua­ção ao di­plo­ma em re­fe­rên­cia, cu­jo exer­cí­cio de co­bran­ça efec­ti­vo dos di­rei­tos de au­tor e co­ne­xos aos usuá­ri­os ape­nas con­di­ci­o­na­da a con­clu­são do pro­ces­so de apro­va­ção do Ta­ri­fá­rio em cur­so no Ins­ti­tu­to de Pre­ços e Con­cor­rên­cia (IPREC).

“As­sim, pe­lo fac­to de a Sa­dia não ter pro­ce­di­do a sua ade­qua­ção ao no­vo di­plo­ma le­gal, acres­ci­do do fac­to de ter fal­ta­do com o de­ver de in­for­mar, ao não res­pon­der, for­mal­men­te, a so­li­ci­ta­ção re­la­ti­va­men­te aos ele­men­tos men­ci­o­na­dos”, re­for­çou.

A Dnadc, ór­gão de ges­tão ad­mi­nis­tra­ti­va do Sis­te­ma Na­ci­o­nal dos Di­rei­tos de Au­tor e Co­ne­xos, de­ci­diu can­ce­lar a au­to­ri­za­ção an­te­ri­or­men­te con­ce­di­da à Sa­dia e, con­se­quen­te­men­te a sus­pen­são do exer­cí­cio e en­quan­to du­rar a sus­pen­são, os ór­gãos de ges­tão e seus agen­tes fi­cam ini­bi­dos de pra­ti­ca­rem quais­quer ac­tos pró­pri­os de exer­cí­cio da ac­ti­vi­da­de de en­ti­da­de de ges­tão co­lec­ti­va, bem co­mo aler­ta-se a to­dos os usuá­ri­os pa­ra abs­te­rem-se de qual­quer re­la­ção con­tra­tu­al com aque­la en­ti­da­de.

PAULINO DA­MIÃO | EDIÇÕES NO­VEM­BRO

SA­DIA não fez ade­qua­ção das leis

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.