PRODUTOS NA­CI­O­NAIS ABARROTAM PRA­TE­LEI­RAS

Jornal de Economia & Financas - - Finanças -

O cres­ci­men­to da ofer­ta de bens de pro­du­ção na­ci­o­nal es­tá a de­vol­ver o equi­lí­brio que o cus­to fi­nal ne­ces­si­ta. Faz tem­po em que os produtos im­por­ta­dos, fa­ce a es­cas­sez dos na­ci­o­nais, pe­sa­vam no bol­so do con­su­mi­dor na ho­ra das compras. O ale­ga­do cus­to das im­por­ta­ções, de­vi­do ao fra­co aces­so às di­vi­sas já co­me­ça a ser his­tó­ria de ou­tro tem­po. Por um la­do, o Banco Na­ci­o­nal de An­go­la (BNA) adop­tou uma ce­dên­cia cri­te­ri­o­sa das di­vi­sas dis­po­ní­veis, alo­can­do em sec­to­res-cha­ves e de acor­do as pri­o­ri­da­des con­cer­ta­das com os or­ga­nis­mos de ofer­ta e a jus­ti­fi­ca­ção é a de que tam­bém já cresce a ofer­ta e con­cor­rên­cia de produtos na­ci­o­nais, em quan­ti­da­de e qua­li­da­de. Com is­to, os pre­ços de al­guns dos prin­ci­pais produtos da ces­ta bá­si­ca vão re­gis­tan­do, de sa­ma­na a se­ma­na, uma bai­xa nos mer­ca­dos tan­to for­mal co­mo in­for­mal. Por ou­tro la­do, a sa­tis­fa­ção sur­giu tam­bém da par­te dos con­su­mi­do­res, so­bre­tu­do com o pre­ço da farinha de tri­go, que mo­ti­vou nos úl­ti­mos me­ses a su­bi­da do pre­ço do pão e a re­du­ção do seu ta­ma­nho, ago­ra a ser co­mer­ci­a­li­za­do a 12 Kwan­zas o Ki­lo­gra­ma, con­tra os 22 a 25 kwan­zas pra­ti­ca­dos an­te­ri­or­men­te.

CON­SU­MI­DO­RES CON­SI­DE­RAM RE­DU­ÇÃO DE PRE­ÇOS DE PRODUTOS BÁ­SI­COS ALÍ­VIO ÀS FA­MÍ­LI­AS

EDUARDO PE­DRO | EDI­ÇÕES NO­VEM­BRO

A pro­du­ção in­ter­na con­se­gue sa­tis­fa­zer a de­man­da do con­su­mi­dor

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.