Cen­tra­li­da­de do Qui­lo­mo­ço pron­ta em Ju­nho

O pro­jec­to está a ser cons­truí­do na ci­da­de do Uí­ge e con­ta­rá com um total de 4.550 re­si­dên­ci­as de várias ti­po­lo­gi­as e se­rá um ga­nho

Jornal de Economia & Financas - - Infra-estrutura -

A cen­tra­li­da­de do Qui­lo­mo­ço, na ci­da­de do Uí­ge, on­de se­rão er­gui­das 4.550 ha­bi­ta­ções, co­me­ça a ser ha­bi­ta­da em Ju­nho des­te ano, ga­ran­tiu, na pas­sa­da quarta-fei­ra, o go­ver­na­dor lo­cal, Pin­da Si­mão, no­ti­cia a An­gop.

O go­ver­na­dor, que pres­tou a in­for­ma­ção no fi­nal da vi­si­ta que efec­tu­ou ao lo­cal, que con­ta com 1.010 ca­sas pron­tas a ha­bi­tar, dis­se que a cen­tra­li­da­de vai al­ber­gar, nes­ta pri­mei­ra fa­se, cer­ca de cinco mil ha­bi­tan­tes, sen­do 752 apar­ta­men­tos, 82 mo­ra­di­as tér­re­as e 176 mo­ra­di­as de dois pi­sos.

Acom­pa­nha­do do vi­ce-go­ver­na­dor para os Ser­vi­ços Téc­ni­cos e In­fra-es­tru­tu­ras, Afon­so Lu­vi­lu­ku, e de res­pon­sá­veis da em­pre­sa cons­tru­to­ra Ko­ra An­go­la, per­cor­reu de­mo­ra­da­men­te as di­ver­sas áre­as do pro­jec­to, ten­do re­ce­bi­do in­for­ma­ções de­ta­lha­das so­bre a exe­cu­ção do pro­jec­to.

Re­ve­lou que o ar­ran­que do pro­jec­to, este ano, vai fa­ci­li­tar o aces­so à ha­bi­ta­ção con­dig­na e col­ma­tar a ca­rên­cia de ca­sas com que se de­ba­te a po­pu­la­ção lo­cal, so­bre­tu­do os jo­vens.

Ga­ran­tiu ain­da que os tra­ba­lhos da su­bes­ta­ção eléc­tri­ca de­cor­rem a bom rit­mo, pre­ven­do a sua conclusão em Maio do cor­ren­te ano.

O go­ver­nan­te ma­ni­fes­tou-se igual­men­te sa­tis­fei­to com as obras de cons­tru­ção de várias in­fra-es­tru­tu­ras sociais, no­me­a­da­men­te es­co­las pri­má­ri­as e se­cun­dá­ria, pos­to de saú­de, cen­tro in­fan­til e jar­dim de in­fân­cia.

Na cen­tra­li­da­de do Qui­lo­mo­ço, que dis­ta cinco qui­ló­me­tros da ci­da­de do Uí­ge, in­tei­rou-se ain­da dos tra­ba­lhos da cons­tru­ção da es­ta­ção de tra­ta­men­to de águas e da su­bes­ta­ção eléc­tri­ca, cu­jos tra­ba­lhos en­con­tram-se em fa­se avan­ça­da de conclusão.

Água po­tá­vel

O di­rec­tor pro­vin­ci­al da Ener­gia e Águas, Men­des Do­min­gos, ex­pli­cou que o sis­te­ma de abas­te­ci­men­to de água à cen­tra­li­da­de do Qui­lo­mo­ço pos­sui uma ca­pa­ci­da­de de ar­ma­ze­na­men­to de 3.500 me­tros cú­bi­cos (m3), as­sim co­mo ou­tros 275 m3 de tra­ta­men­to.

A cen­tra­li­da­de do Qui­lo­mo­ço in­te­gra pré­di­os de quatro pi­sos com oi­to apar­ta­men­tos ca­da, mo­ra­di­as tér­re­as e ou­tras de um e dois pi­sos.

DR

A ini­ci­a­ti­va go­ver­na­men­tal está a ser er­gui­da pe­la cons­tru­to­ra Ko­ra An­go­la

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.