No­vas me­di­das na ex­plo­ra­ção flo­res­tal

Jornal de Economia & Financas - - Lazer -

O Mi­nis­tro da Agri­cul­tu­ra e Flo­res­tas, Mar­cos Ale­xan­dre Nhun­ga, dis­se nes­ta ter­ça-fei­ra, que o Go­ver­no vai co­lo­car or­dem na ex­plo­ra­ção, trans­por­te e co­mer­ci­a­li­za­ção de madeira em toda ex­ten­são do ter­ri­tó­rio na­ci­o­nal. Mar­cos Ale­xan­de Nhun­ga que fa­la­va à imprensa du­ran­te a ce­ri­mó­nia de to­ma­da de pos­se dos no­vos di­rec­to­res e che­fes de de­par­ta­men­to do Mi­nis­té­rio da Agri­cul­tu­ra dis­se que o ob­jec­ti­vo é evi­tar o aba­te in­dis­cri­mi­na­do das ár­vo­res e por ou­tro, ren­ta­bi­li­zar a ex­plo­ra­ção flo­res­tal. Reservas Flo­res­tais Por sua vez o di­rec­tor na­ci­o­nal de Re­cur­sos Flo­res­tais, Do­min­gos Ve­lo­so, dis­se re­cen­te­men­te ao JE que as reservas flo­res­tais do país es­tão es­ti­ma­das em 69 milhões de hec­ta­res.

Do­min­gos Ve­lo­so dis­se na oca­sião que o re­la­tó­rio do sec­tor di­vul­ga­do em Ja­nei­ro do ano pas­sa­do mos­tra que o país dis­põe de uma con­si­de­rá­vel re­ser­va flo­res­tal es­ti­ma­da em 69 milhões de hec­ta­res e uma dis­po­ni­bi­li­da­de de madeira co­mer­ci­al ava­li­a­da em 4.5 mil milhões de me­tros cú­bi­cos de madeira.

De acor­do com o res­pon­sá­vel do sec­tor o país pre­ci­sa apro­vei­tar da me­lhor for­ma o ele­va­do ma­nan­ci­al de flo­res­tas que dis­põe para ele­var as ci­fras do sec­tor não pe­tro­lí­fe­ro no Or­ça­men­to Ge­ral do Es­ta­do. Licenças Du­ran­te o ano flo­res­tal 2017, a Di­rec­ção Na­ci­o­nal de Ex­plo­ra­ção Flo­res­tal re­ce­beu mais de 600 so­li­ci­ta­ções de emis­são de licenças para ex­plo­ra­ção de madeira em to­do o ter­ri­tó­rio na­ci­o­nal, dos quais ape­nas 330 fo­ram con­si­de­ra­das vá­li­das.

EDIÇÕES NO­VEM­BRO

Flo­res­tas são re­cur­sos es­tra­té­gi­cos

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.