Tra­ba­lho re­mo­to aju­da pro­fis­si­o­nais

Jornal de Economia & Financas - - Gestão -

O tra­ba­lho re­mo­to na­da mais é do que o tra­ba­lho à dis­tân­cia ou fo­ra do lo­cal de tra­ba­lho e do am­bi­en­te la­bo­ral nor­mal, com vá­ri­as op­ções de ac­ti­vi­da­de, des­de tra­ba­lhar em ca­sa ou em qual­quer lu­gar on­de es­te­ja im­plan­ta­do. As pos­si­bi­li­da­des que exis­tem ac­tu­al­men­te de se co­mu­ni­car atra­vés de voz, mensagem e ví­deo fa­ci­li­tam ain­da mais es­sa mo­da­li­da­de de em­pre­go. Ca­da dia mais softwa­res de ges­tão evo­lu­em e fi­cam mais aces­sí­veis pa­ra to­dos, abrin­do uma gran­de pos­si­bi­li­da­de pa­ra de­sen­vol­ver ac­ti­vi­da­des fo­ra do lo­cal de tra­ba­lho tra­di­ci­o­nal, fa­ci­li­ta­da pe­la aqui­si­ção de tec­no­lo­gia co­mo ta­blets, smartpho­nes e com­pu­ta­do­res, que faz com que qual­quer pes­soa tra­ba­lhe a par­tir de ca­sa. As em­pre­sas po­dem pa­gar me­nos en­car­gos co­mo trans­por­te e ali­men­ta­ção e ou­tros; o nú­me­ro de fal­tas por ques­tões mé­di­cas di­mi­nui; a pro­du­ti­vi­da­de dos fun­ci­o­ná­ri­os na mai­o­ria dos ca­sos au­men­ta; a sa­tis­fa­ção e o pra­zer de tra­ba­lhar dos co­la­bo­ra­do­res tam­bém au­men­tam e po­dem tra­zer uma gran­de re­du­ção de cus­tos ope­ra­ci­o­nais.

DR

Tra­ba­lhar fo­ra do am­bi­en­te la­bo­ral

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.