ESTABILIZAÇÃO SEGUE MAR­CHA

Jornal de Economia & Financas - - Destaque -

As Fi­nan­ças Pú­bli­cas já per­cor­re­ram cer­ca de me­ta­de do tra­ça­do de 365 di­as que o desafio eco­nó­mi­co de 2018 im­põe. Na apre­ci­a­ção do Mi­nis­té­rio das Fi­nan­ças, “de­cor­ri­do que es­tá apro­xi­ma­da­men­te me­ta­de do ano, apraz re­gis­tar o ine­gá­vel iní­cio do processo de estabilização ma­cro­e­co­nó­mi­ca”. Com tais in­di­ca­do­res um da­do mais re­le­van­te ain­da: depois de dois anos de re­ces­são eco­nó­mi­ca, em 2018 o país vai re­gres­sar ao cres­ci­men­to. De acor­do com os dados pu­bli­ca­dos pe­lo Ins­ti­tu­to Na­ci­o­nal de Es­ta­tís­ti­ca (INE), o PIB real con­traiu 2,5% em 2017 e já ti­nha con­traí­do 2,6% em 2016. As es­ti­ma­ti­vas mais re­cen­tes, fei­tas no âm­bi­to da ela­bo­ra­ção da Pro­gra­ma­ção Ma­cro­e­co­nó­mi­ca Exe­cu­ti­va pa­ra 2018, apon­tam pa­ra um cres­ci­men­to de 2,2%. “São, in­dis­cu­ti­vel­men­te, bo­as no­tí­ci­as e bons si­nais do iní­cio do processo de estabilização ma­cro­e­co­nó­mi­ca” dis­se o mi­nis­tro das Fi­nan­ças. Ar­cher Man­guei­ra rei­te­rou a pre­o­cu­pa­ção com o ho­mem, pois em seu en­ten­der “no Mi­nis­té­rio das Fi­nan­ças, tão im­por­tan­te co­mo as po­lí­ti­cas é a ca­pa­ci­da­de pa­ra as exe­cu­tar”.Sen­do as­sim, con­si­de­ram fun­da­men­tal que se sai­ba dis­cer­nir as me­lho­res po­lí­ti­cas e se cui­de da or­ga­ni­za­ção fun­ci­o­nal.

VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDI­ÇÕES NO­VEM­BRO

Edi­fí­cio do Mi­nis­té­rio das Fi­nan­ças

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.