19,4

Jornal de Economia & Financas - - Empresas -

O em­bai­xa­dor de An­go­la na Chi­na, João Sal­va­dor, en­co­ra­jou a co­mu­ni­da­de em­pre­sa­ri­al an­go­la­na em Gu­angzhou a apro­vei­ta­rem as gran­des opor­tu­ni­da­des de ne­gó­cio que o país asiá­ti­co pro­por­ci­o­na, pa­ra re­lan­çar e di­ver­si­fi­car a eco­no­mia an­go­la­na. O di­plo­ma­ta, que se en­con­tra em Gu­angzhou (ter­cei­ra mai­or ci­da­de chi­ne­sa), ca­pi­tal da pro­vín­cia de Gu­an­dong, des­de se­gun­da-fei­ra, fa­lou na ter­ça-fei­ra num en­con­tro com os em­pre­sá­ri­os an­go­la­nos. Pro­me­teu apoio ins­ti­tu­ci­o­nal, es­ta­be­le­cer uma re­la­ção de pro­xi­mi­da­de, tan­to na em­bai­xa­da em Bei­jing, tan­to nos três con­su­la­dos an­go­la­nos na Chi­na, no­me­a­da­men­te em Gu­angzhou e nas re­giões ad­mi­nis­tra­ti­vas e es­pe­ci­ais de Macau e Hong Kong. “Es­ta­mos ho­je a vi­ver uma fa­se no­va, com mui­tos de­sa­fi­os e a Chi­na sen­do um país com gran­des opor­tu­ni­da­des, os ci­da­dãos an­go­la­nos de­vem apro­vei­tar as su­as va­lên­ci­as e pro­cu­rar le­var pa­ra An­go­la o má­xi­mo de com­pe­tên­cia, pa­ra ter­mos um país mo­der­no”, dis­se o di­plo­ma­ta an­go­la­no. João Sal­va­dor, re­cém cre­di­ta­do­co­mo em­bai­xa­dor man­te­ve ain­da en­con­tro com um gru­po de em­pre­sá­ri­os chi­ne­ses, no qual foi abor­da­do o no­vo am­bi­en­te de ne­gó­ci­os cri­a­do pe­lo Es­ta­do an­go­la­no pa­ra to­do in­ves­ti­dor pri­va­do, com des­ta­que pa­ra no­va Lei de In­ves­ti­men­to Pri­va­do. Dis­se aos chi­ne­ses es­ta­rem ga­ran-

DÓ­LA­RES

Cor­res­pon­de o ren­di­men­to per ca­pi­ta na re­gião, uma das mais prós­pe­ras do país de­vi­do à sua rá­pi­da in­dus­tri­a­li­za­ção. ti­das a atri­bui­ção de in­cen­ti­vos e ou­tras fa­ci­li­da­des, co­mo se­gu­ran­ça e pro­tec­ção dos in­ves­ti­men­tos, bem co­mo o res­pei­to e in­te­gral cum­pri­men­to de acor­dos e tra­ta­dos in­ter­na­ci­o­nais e des­ta­cou co­mo pri­o­ri­da­des pa­ra in­ves­ti­men­tos a agri­cul­tu­ra, in­dús­tria, pes­cas, mi­nas e tu­ris­mo. Com o PIB de usd 1,5 bi­lhões e o per ca­pi­ta 19.4 a re­gião é uma das mais prós­pe­ras da Chi­na, de­vi­do a sua rá­pi­da in­dus­tri­a­li­za­ção.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.