Eco­no­mis­ta pro­põe re­vi­são do or­ça­men­to pa­ra con­tro­lar o ní­vel de en­di­vi­da­men­to

Jornal de Economia & Financas - - Destaque -

O eco­no­mis­ta Pre­ci­o­so Do­min­gos en­ten­de que o Governo de­ve re­ver o Or­ça­men­to Ge­ral do Es­ta­do, já que o ac­tu­al ní­vel de en­di­vi­da­men­to acres­ci­do que es­tá em ne­go­ci­a­ções ul­tra­pas­sa as ne­ces­si­da­des pre­vis­tas no OGE que se si­tua nos 3%.

“A dí­vi­da de An­go­la nor­mal­men­te ron­da aos 55.4 mil mi­lhões de dó­la­res (cer­ca de metade des­ta di­vi­da é ex­ter­na, e a ou­tra é in­ter­na). Da ex­ter­na, a Chi­na tem 70% a 80%, o que sig­ni­fi­ca que os chi­ne­ses nes­te mo­men­to têm 22 mil mi­lhões de dó­la­res do nos­so stock da dí­vi­da ex­ter­na. E o dé­fi­ce do OGE ago­ra é a mai­or e es­tá es­ti­ma­do em de cer­ca de 3% e is­so re­pre­sen­ta 3.5 mil mi­lhões de dó­la­res”.

Pre­ci­o­sos Do­min­go que fa­la­va à RNA dis­se que se se ti­ver em con­ta o gi­ro bó­nus per­mi­ti­do, que é de 3 mil mi­lhões de dó­la­res, os 500 mi­lhões de dó­la­res do ban­co de ex­por­ta­ção da Ale­ma­nha, mais os 150 mi­lhões de dó­la­res da Fran­ça, per­faz um dé­fi­ce que es­tá fe­cha­do, “só que as ne­go­ci­a­ções na Chi­na são 15 mil mi­lhões de dó­la­res, mais os ac­tu­ais 15 mil mi­lhões de dó­la­res, quer di­zer que a dí­vi­da pa­ra com a Chi­na es­tá a ten­der pa­ra mais de 30 mil mi­lhões de dó­la­res”, dis­se o eco­no­mis­ta.

Na sua opi­nião, An­go­la es­ta a ul­tra­pas­sar o li­mi­te de en­di­vi­da­men­to que es­tá no Or­ça­men­to Ge­ral do Es­ta­do e é al­tu­ra pa­ra se re­ver o do­cu­men­to pa­ra se tor­nar o pro­ces­so le­gal.

No en­tan­to, de­ve-se lem­brar que no qua­dro da cooperação Sul-Sul, o país asiá­ti­co pre­dis­põe-se a in­cen­ti­var as su­as em­pre­sas a in­ves­tir em África não me­nos do que 10 bi­liões de dó­la­res, nos pró­xi­mos três anos.

Na mes­ma es­tei­ra, a Chi­na irá per­do­ar a dí­vi­da das nações afri­ca­nas com as quais tem re­la­ções di­plo­má­ti­cas e que se­jam me­nos de­sen­vol­vi­das ou com fra­ca ca­pa­ci­da­de eco­nó­mi­ca.

AN­GO­LA ES­TÁ A PAS­SAR OS LI­MI­TES DO EN­DI­VI­DA­MEN­TO EX­TER­NO

EDI­ÇÕES NO­VEM­BRO

Eco­no­mis­ta Pre­ci­o­so Do­min­gos

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.