Téc­ni­co con­fir­ma es­treia de Ney­mar

Unai Emery ga­ran­te o jo­ga­dor entre os ti­tu­la­res mas es­tá cép­ti­co quan­to a pos­si­bi­li­da­de de jo­gar 90 mi­nu­tos

Jornal dos Desportos - - INTERNACIONAL -

Opa­ga­men­to da cláu­su­la de res­ci­são era o úl­ti­mo pas­so. O téc­ni­co do Pa­ris Saint Ger­main, Unai Emery, con­fir­mou que o avan­ça­do bra­si­lei­ro vai ser ti­tu­lar na se­gun­da jornada da "Li­gue 1" ho­je, di­an­te do Guin­gamp, no "Sta­de du Rou­dou­rou".

O que ain­da não es­tá de­fi­ni­do é se a mai­or es­tre­la do clu­be vai jo­gar s 90 mi­nu­tos, pois vai de­pen­der de uma con­ver­sa da co­mis­são téc­ni­ca com o pró­prio jo­ga­dor.“Vou dis­cu­tir com a equi­pa e com ele pa­ra ver se po­de jo­gar 90 mi­nu­tos ou quan­tos se sen­te ca­paz”, dis­se o téc­ni­co, em en­tre­vis­ta co­lec­ti­va na sex­ta-fei­ra.

Emery ex­pli­cou que o seu avan­ça­do tem fei­to bons trei­nos e con­se­guiu en­cai­xar-se bem no con­cei­to tác­ti­co que pre­ten­de pa­ra a equi­pa. E o que é me­lhor, en­con­trou um am­bi­en­te aco­lhe­dor no plan­tel, já que o PSG tem mui­tos bra­si­lei­ros.

“Ele co­nhe­ce mui­tos dos seus com­pa­nhei­ros de equi­pa. A adap­ta­ção é boa. Fi­si­ca­men­te, es­tá bem. A sua in­te­gra­ção téc­ni­ca tam­bém. Ele es­tá pron­to pa­ra jo­gar”, dis­se.

Ape­sar da con­fi­an­ça em con­tar com o bra­si­lei­ro, o trei­na­dor tam­bém toma cui­da­dos com a equi­pa co­mo um to­do de­vi­do à ex­pec­ta­ti­va à vol­ta do ca­mi­so­la 10. Diz que o seu pri­mei­ro ob­jec­ti­vo é blin­dar os jo­ga­do­res.

"Em pri­mei­ro lu­gar pro­te­ger o gru­po. E as pes­so­as. To­dos os gran­des jo­ga­do­res são pes­so­as em pri­mei­ro lu­gar.”Jo­ga­dor mais ca­ro da his­tó­ria, Ney­mar te­rá de se adap­tar ao no­vo mo­de­lo de con­tra­to as­si­na­do com o Pa­ris SaintGer­main, seu no­vo clu­be. Ven­di­do pe­los fran­ce­ses, o bra­si­lei­ro não pos­sui no con­tra­to uma cláu­su­la de di­rei­to de ima­gem.Ao con­trá­rio de no San­tos e Bar­ce­lo­na, o PSG não vai pa­gar di­rei­to de ima­gem a Ney­mar.

O bra­si­lei­ro vai re­ce­ber ape­nas o sa­lá­rio com­bi­na­do com a equi­pa, as­sim co­mo o res­tan­te dos fun­ci­o­ná­ri­os do clu­be.

Em reu­nião re­a­li­za­da em São Pau­lo, na úl­ti­ma sex­ta-fei­ra, re­pre­sen­tan­tes ju­rí­di­cos do jo­ga­dor con­fir­ma­ram a in­for­ma­ção.

O sa­lá­rio do jo­ga­dor tam­bém não pos­sui bo­ni­fi­ca­ção por pro­du­ti­vi­da­de.

A tur­bu­len­ta ne­go­ci­a­ção entre Ney­mar, PSG e Bar­ce­lo­na che­gou ao fim na sex­ta-fei­ra, dia em que os pa­ga­men­tos fo­ram de­bi­ta­dos e o jo­ga­dor foi per­mi­ti­do es­tre­ar-se pe­lo clu­be fran­cês.Na úl­ti­ma sex­ta-fei­ra, os re­pre­sen­tan­tes do jo­ga­dor con­fir­ma­ram que Ney­mar vai ter de pa­gar uma mul­ta à Receita Fe­de­ral pa­ra en­cer­rar o pro­ces­so que exis­te des­de 2014.

“A tur­bu­len­ta ne­go­ci­a­ção entre Ney­mar, PSG e Bar­ce­lo­na che­gou ao fim na sex­ta-fei­ra, dia em que os pa­ga­men­tos fo­ram de­bi­ta­dos e o jo­ga­dor foi per­mi­ti­do es­tre­ar-se pe­lo clu­be fran­cês”

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.