O que é o tri­plo sal­to

Jornal dos Desportos - - SERVIÇOS & LAZER -

Tri­plo sal­to ou sal­to tri­plo é uma es­pe­ci­a­li­da­de olím­pi­ca de atle­tis­mo que re­quer uma com­bi­na­ção de ve­lo­ci­da­de e téc­ni­ca do atle­ta que o pra­ti­ca.

Os pra­ti­can­tes des­te des­por­to são cha­ma­dos de tri­plis­tas.

O tri­plo sal­to é uma com­bi­na­ção de três sal­tos su­ces­si­vos que ter­mi­nam com a que­da nu­ma cai­xa de areia.

A pro­va ini­cia-se com uma cor­ri­da de im­pul­so. O sal­to co­me­ça com o con­tac­to da per­na de im­pul­são to­can­do o so­lo (mai­or ab­sor­ção de im­pac­to), se­gue-se uma pe­que­na fle­xão da per­na de im­pul­são (mai­or ten­são elás­ti­ca), nes­se mo­men­to a per­na de im­pul­são so­fre gran­de pres­são (até seis ve­zes o peso do atle­ta), sen­do que quan­to mai­or o ân­gu­lo mai­or a pres­são. A cha­ma­da é re­a­li­za­da com um mo­vi­men­to de pa­ta­da, on­de o sal­ta­dor faz um mo­vi­men­to brus­co com a per­na pa­ra trás e pa­ra ci­ma, ten­tan­do as­sim re­du­zir a per­da de ve­lo­ci­da­de ho­ri­zon­tal.

O ân­gu­lo re­sul­tan­te de saí­da é me­nor que o sal­to da dis­tân­cia. Por fim, na fa­se de voo, de­ve-se cor­ri­gir o equi­lí­brio atra­vés da ro­ta­ção ho­ri­zon­tal dos bra­ços, co­lo­can­do o cen­tro de gra­vi­da­de no lu­gar.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.