OR­GA­NI­ZA­ÇÃO NE­GA MANIPULAÇÃO NO SOR­TEIO DA PRO­VA

RÚS­SIA'2018:

Jornal dos Desportos - - PORTADA -

OS­por­ting de Bra­ga es­tá lan­ça­do pa­ra ven­cer o Gru­po C, e o Vi­tó­ria de Gui­ma­rães jo­ga es­ta noi­te a sua so­bre­vi­vên­cia na "pou­le" I, da Li­ga Eu­ro­pa. Além da equi­pa por­tu­gue­sa, es­tão tam­bém apu­ra­das pa­ra a fa­se a eli­mi­nar, o Vil­lar­re­al, Dí­na­mo Ki­ev, Par­ti­zan, AC Mi­lan, Ata­lan­ta, Lyon, Ste­aua Bu­ca­res­te, Pl­zen, Ar­se­nal, Salz­bur­go, Os­ter­sund, La­zio, Ni­ce, Ze­nit São Pe­ters­bur­go e Re­al So­ci­e­dad que dei­xam em aber­to oi­to va­gas pa­ra a úl­ti­ma jor­na­da.

Os "ar­se­na­lis­tas" li­de­ram o res­pec­ti­vo gru­po e po­dem ter­mi­nar no to­po, mes­mo que per­cam na sex­ta ron­da no Es­tá­dio do Ba­sak­sehir, mas os vi­ma­ra­nen­ses que ocu­pam a úl­ti­ma po­si­ção, es­tão obri­ga­dos a ven­cer na re­cep­ção ao Konyas­por e ain­da as­sim, po­dem ver-se eli­mi­na­dos da pro­va.

A equi­pa bra­ca­ren­se "des­pa­chou" par­te do tra­ba­lho, as­se­gu­rou a qua­li­fi­ca­ção an­te­ci­pa­da pa­ra os 16 avos de fi­nal, mas tem pe­la fren­te o ad­ver­sá­rio mais com­pli­ca­do, lí­der iso­la­do na Tur­quia, en­quan­to o Gui­ma­rães de­fron­ta o 15º co­lo­ca­do do mes­mo cam­pe­o­na­to.

Ape­sar de es­tar apu­ra­do pa­ra a fa­se se­guin­te, o Bra­ga tem to­do o in­te­res­se de ter­mi­nar no co­man­do, uma vez que po­de evi­tar os ven­ce­do­res dos ou­tros gru­pos e os me­lho­res ter­cei­ros clas­si­fi­ca­dos da "Cham­pi­ons", além de dis­pu­tar a se­gun­da mão em ca­sa.

Com dois pon­tos de van­ta­gem so­bre o Lu­do­go­rets, os bra­ca­ren­ses não es­tão a sal­vo de ter­mi­na­rem no se­gun­do pos­to, uma vez que um triun­fo dos búl­ga­ros (com os quais es­tão em des­van­ta­gem no con­fron­to di­rec­to) so­bre os ale­mães do Hof­fe­nheim, obri­ga a equi­pa por­tu­gue­sa a ba­ter o Ba­sak­sehir.

Ca­so o Lu­do­go­rets não vá além de uma igual­da­de, no re­du­to do sur­pre­en­den­te lan­ter­na -ver­me­lha, que era apon­ta­do co­mo o prin­ci­pal fa­vo­ri­to a ven­cer a "pou­le", o Bra­ga até po­de sair der­ro­ta­do da Tur­quia, pois, não dei­xa o to­po da clas­si­fi­ca­ção.

As con­tas do Gui­ma­rães são, si­mul­ta­ne­a­men­te, mais sim­ples e me­nos pro­mis­so­ras. A equi­pa vi­ma­ra­nen­se tem de ven­cer o Konyas­por e es­pe­rar que o Mar­se­lha per­ca em ca­sa com o Salz­bur­go, que ga­ran­tiu não ape­nas o apu­ra­men­to co­mo o triun­fo no gru­po.

O Gui­ma­rães tem me­nos três pon­tos do que o Mar­se­lha (ape­sar de van­ta­gem no con­fron­to di­rec­to), mas se a vi­tó­ria na re­cep­ção aos tur­cos pa­re­ce ao al­can­ce do con­jun­to lu­so, a ne­ces­sá­ria der­ro­ta dos fran­ce­ses fren­te a uma equi­pa, sem mais mo­ti­va­ção do que ter­mi­nar a fa­se de gru­pos in­vic­ta.

MI­GUEL RIOPA / AFP

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.