Du­as se­tas apon­ta­das ao ata­que

Jornal dos Desportos - - INTERNACIONAL -

O Uru­guai vai ao Mun­di­al da Rús­sia com a es­pe­ran­ça na sua de­fe­sa for­te, du­ra e ex­pe­ri­en­te, da qu­al se des­ta­cam Pe­rei­ra e Go­dín, as­sim co­mo uma du­pla de avan­ça­dos te­mí­vel e con­si­de­ra­da co­mo uma das me­lho­res do mun­do: Ca­va­ni -Suá­rez.

A fa­se de qua­li­fi­ca­ção foi su­pe­ra­da com al­gu­ma fa­ci­li­da­de, num gru­po em que es­ta­vam se­lec­ções co­mo a Ar­gen­ti­na.

Ós­car Ta­bá­rez, de 70 anos, re­gis­ta no pal­ma­rés o quar­to Cam­pe­o­na­to do Mun­do. É dos pou­cos trei­na­do­res que se man­ti­ve­ram na mes­ma se­lec­ção, des­de o Mun­di­al do Bra­sil. O seu le­ga­do des­de 2006 é in­ques­ti­o­ná­vel. Tem um es­ti­lo de jo­go du­ro, é ama­do pe­los adep­tos uru­guai­os. Pro­va­vel­men­te es­te se­ja o seu úl­ti­mo cam­pe­o­na­to do mun­do.

O Uru­guai li­de­ra en­tre os in­te­gran­tes do gru­po A, a ocu­par a 17ª po­si­ção do Ran­king da FI­FA. O Egip­to é o 46º, en­quan­to a Rús­sia, sem re­sul­ta­dos ex­pres­si­vos des­de a Eu­ro-2008, es­tá no 66º pos­to. A Ará­bia Sau­di­ta de­ve ini­ci­ar o Mun­di­al co­mo a 70ª se­lec­ção. Cam­peão olím­pi­co em 1924 e em 1928 e cam­peão mun­di­al em 1930, o Uru­guai che­gou pa­ra dis­pu­tar o Mun­di­al de 1950, co­mo um dos gran­des fa­vo­ri­tos, jun­to com a se­lec­ção bra­si­lei­ra. Em cam­po, con­ta­va com um fu­te­bol vis­to­so, que mos­tra­va si­nais de for­ça, com mui­ta mar­ca­ção e en­tre­ga em cam­po. Ob­du­lio Va­re­la foi um dos me­lho­res da equi­pa, du­ran­te a cam­pa­nha, jun­to com Gigghia e Mí­guez que veio a dar o se­gun­do tí­tu­lo no mun­di­al com pal­co no Bra­sil.

Nos di­as que cor­rem, os adep­tos uru­guai­os vol­tam a con­tar com uma boa se­lec­ção, ca­paz de om­bre­ar com qual­quer ou­tra do mun­do. Pos­sui jo­ga­do­res que mi­li­tam nas me­lho­res equi­pas da Eu­ro­pa e da Amé­ri­ca, on­de re­gu­lar­men­te são ti­tu­la­res .

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.