TOR­RES SA­TIS­FEI­TO COM OS RE­FOR­ÇOS

Car­li­tos (ex-Ma­quis) e Denny (ex-Rayo Can­ta­bria) ti­ve­ram bons de­sem­pe­nhos

Jornal dos Desportos - - PORTADA - VALÓDIA KAMBATA

As exi­bi­ções do la­te­ral di­rei­to Car­li­tos (ex-FC Bra­vos do Ma­quis) e do mé­dio Denny (ex-De­por­ti­vo Rayo Can­ta­bria, da III Di­vi­são de Es­pa­nha) na es­treia de am­bos com a ca­mi­so­la do Interclube, no Es­tá­dio 22 de Ju­nho, no jo­go de sá­ba­do com o Clu­be Des­por­ti­vo da Huí­la, re­fe­ren­te à 16ª jor­na­da do Girabola Zap 2018, fo­ram re­al­ça­das pelo trei­na­dor Pau­lo Tor­res.

De acor­do com o res­pon­sá­vel Car­li­tos, téc­ni­co da equi­pa da Po­lí­cia, ape­sar de es­tar à pro­cu­ra da me­lhor for­ma fí­si­ca, te­ve um bom de­sem­pe­nho na es­treia an­te os mi­li­ta­res da Re­gião Sul, jo­go que ter­mi­nou sem go­los.

Quan­to a Denny, jo­ga­dor que fez a es­treia no Interclube e no cam­pe­o­na­to na­ci­o­nal, Pau­lo Tor­res dis­se que tam­bém es­te­ve em bom pla­no.

"O Car­li­tos é um atle­ta que dis­pen­sa apre­sen­ta­ções, nes­te mo­men­to, es­tá à pro­cu­ra da me­lhor for­ma fí­si­ca. Por is­so, pa­ra o pri­mei­ro jo­go es­te­ve bem, tra­ba­lhou mui­to. Quan­to ao Denny é ou­tro atle­ta, que em­bo­ra se­ja an­go­la­no, é a pri­mei­ra vez que jo­ga em An­go­la. De­vo di­zer que es­tou sa­tis­fei­to com a su­as exi­bi­ções", dis­se o téc­ni­co luso ao ser­vi­ço dos po­lí­ci­as.

Quan­to ao jo­go que a sua equi­pa não con­quis­tou os três pon­tos, an­te um ad­ver­sá­rio com ob­jec­ti­vos mo­des­tos na pro­va, Pau­lo Tor­res é de opi­nião que po­di­am ter ven­ci­do pelo que pro­du­zi­ram em cam­po.

"Pen­so, que foi um jo­go mui­to bem dis­pu­ta­do. Pelo que fi­ze­mos, prin­ci­pal­men­te ,na pri­mei­ra par­te, em que ti­ve­mos a me­lhor opor­tu­ni­da­de com uma bo­la ao pos­te, po­día­mos ter fei­to o go­lo e con­quis­tar a vi­tó­ria", sus­ten­tou.

Na se­gun­da par­te do jo­go, os po­lí­ci­as apa­re­ce­ram com ou­tra pos­tu­ra, fru­to das subs­ti­tui­ções ope­ra­das pelo téc­ni­co, de­sig­na­da­men­te, as saí­das de Paty e Mo­co e as en­tra­das de Ka­po­ral e Sil­va, que per­mi­tiu ao Interclube ga­nhar mais di­nâ­mi­ca.

“O Car­li­tos é um atle­ta que dis­pen­sa Nes­te mo­men­to, es­tá à pro­cu­ra da me­lhor for­ma fí­si­ca, por is­so, pa­ra o pri­mei­ro jo­go es­te­ve bem, tra­ba­lhou mui­to. Quan­to ao Denny é ou­tro atle­ta, que em­bo­ra se­ja an­go­la­no, é a pri­mei­ra vez que es­tá jo­ga em An­go­la”

"Na se­gun­da par­te, mu­dá­mos o sis­te­ma, pas­sá­mos a jo­gar com o Pe­dro e o Ka­po­ral (no ataque) e ti­ve­mos vá­ri­as si­tu­a­ções em que po­día­mos inau­gu­rar o mar­ca­dor. Eles (jo­ga­do­res do CDH) de­fen­de­ram bem e qu­em de­fen­de bem tem mé­ri­to, dou os pa­ra­béns às du­as equi­pas, pois, dig­ni­fi­ca­ram o nos­so fu­te­bol", dis­se.

Pau­lo Tor­res va­lo­ri­zou igual­men­te a en­tre­ga da equi­pa ad­ver­sá­ria.

"Es­ta equi­pa da Huí­la (Des­por­ti­vo) tra­ba­lha e lu­ta mui­to, tem uma ati­tu­de com­pe­ti­ti­va mui­to for­te, aliás, nós co­nhe­ce­mos bem a equi­pa.

Sa­bía­mos, que se não mar­cás­se­mos um go­lo, a nossa a nossa si­tu­a­ção fi­ca­va con­di­ci­o­na­da", sa­li­en­tou.

PAU­LO MULAZA | EDIÇÕES NO­VEM­BRO

An­ti­go la­te­ral ma­qui­sar­de vai me­lho­rar a con­di­ção fí­si­ca como dis­se o trei­na­dor dos po­lí­ci­as

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.