Se­ma­na fes­ti­va

Jornal dos Desportos - - ABERTURA -

Des­por­ti­va­men­te fa­lan­do, en­tra­mos na se­ma­na de­ci­si­va que mar­ca o "pon­ta­pé de saí­da" de mais uma edi­ção do cam­pe­o­na­to do mun­do de fu­te­bol, sem dú­vi­das, a mai­or ma­ni­fes­ta­ção do "des­por­to-rei" à es­ca­la pla­ne­tá­ria. É pa­ra a Rús­sia que se mo­ve o mun­do. É tam­bém no país do an­ti­go Blo­co So­ci­a­lis­ta, que che­gam no­tí­ci­as que fazem man­che­te da mé­dia des­por­ti­va.

As se­lec­ções qua­li­fi­ca­das, co­me­çam a che­gar ao ce­ná­rio da com­pe­ti­ção, cum­pri­das a res­pec­ti­va fa­se de es­tá­gi­os pré­com­pe­ti­ti­vo, que lhes con­fe­ri­ram va­lên­ci­as pa­ra fa­zer fa­ce às obri­ga­ções da pro­va, em cer­tos ca­sos, e em ou­tros, pa­ra cor­rer atrás das me­tas clas­si­fi­ca­ti­vas es­ta­be­le­ci­das.

De res­to, as úl­ti­mas se­ma­nas fo­ram pa­ra de in­ten­so tra­ba­lho pa­ra to­das as equi­pas, que de per­meio, se en­vol­ve­ram em jo­gos de preparação. Os téc­ni­cos tra­ta­ram de li­mar as ares­tas e con­fe­rir aos plan­téis ma­tu­ri­da­de su­fi­ci­en­te pa­ra a gran­de em­prei­ta­da que têm pe­la fren­te.

De­pois de mui­ta ex­pec­ta­ti­va, ago­ra, o mun­di­al é uma ques­tão de ho­ras. As on­ze ci­da­des que vão re­ce­ber o even­to es­tão en­ga­la­na­das, vi­vem um am­bi­en­te iné­di­to, fes­ti­vo, pa­ra re­ce­ber não só as se­lec­ções que vão com­pe­tir, mas tam­bém a de­man­da de tu­ris­tas, ou se pre­fe­ri­rem, de apoi­an­tes que vão acom­pa­nhar as res­pec­ti­vas equi­pas, no qua­dro do apoio e ca­lor que es­tas pre­ci­sam pa­ra se sen­ti­rem mo­ti­va­das em cam­po.

Na quin­ta-fei­ra, o mun­do pá­ra, pa­ra as­sis­tir à ce­ri­mó­nia inau­gu­ral e o pri­mei­ro jo­go do cer­ta­me, pa­ra daí, en­trar a adre­na­li­na du­ran­te um mês in­tei­ro de emo­ções, ca­rac­te­ri­za­das por mo­men­tos ale­gres e ou­tros ruins, tu­do como é ób­vio, a de­pen­der dos re­sul­ta­dos que as equi­pas ob­ti­ve­rem.

Na quin­ta-fei­ra, o mun­do pá­ra, pa­ra as­sis­tir à ce­ri­mó­nia inau­gu­ral e o pri­mei­ro jo­go do cer­ta­me, pa­ra daí, en­trar a adre­na­li­na du­ran­te um mês in­tei­ro de emo­ções.

Com An­go­la au­sen­te, pe­la ter­cei­ra vez con­se­cu­ti­va, de­pois da ex­pe­ri­ên­cia de 2006, é pa­ra nos afri­ca­nos que vão es­tar vol­ta­das às nos­sas aten­ções, sem pôr de par­te os lu­só­fo­nos. O con­ti­nen­te afri­ca­no es­tá re­pre­sen­ta­do na pro­va por cin­co se­lec­ções, no­me­a­da­men­te, Ni­gé­ria, Mar­ro­cos, Tu­ní­sia, Egip­to e Se­ne­gal, que de­sen­vol­ve­ram in­ten­so tra­ba­lho pa­ra uma par­ti­ci­pa­ção ai­ro­sa, ca­paz de dig­ni­fi­car o fu­te­bol con­ti­nen­tal, que es­tá a co­nhe­cer nos úl­ti­mos tem­pos um cres­ci­men­to ex­po­nen­ci­al, em to­dos os ca­pí­tu­los.

Em­bo­ra o tí­tu­lo es­te­ja fo­ca­li­za­da nos prin­ci­pais "co­los­sos" do pla­ne­ta, os re­pre­sen­tan­tes afri­ca­nos tam­bém tra­ça­ram as su­as me­tas com­pe­ti­ti­vas. Fa­zer mais e me­lhor é sem­pre o ob­jec­ti­vo. Aliás, ain­da por co­nhe­cer ou en­con­trar, es­tá a pri­mei­ra se­lec­ção afri­ca­na que ou­se che­gar às mei­as-fi­nais do cam­pe­o­na­to, uma vez que os "quar­tos" fo­ram con­quis­ta­dos pe­los Ca­ma­rões, em 1990 na Itá­lia, e pelo Gha­na em 2010, na Áfri­ca do Sul.

Qu­em sai­rá da Rús­sia com o tro­féu em sua pos­se, eis a ques­tão in­con­tor­ná­vel. Paí­ses como Bra­sil, Ar­gen­ti­na, Es­pa­nha, Ale­ma­nha e Ho­lan­da, pa­ra só ci­tar es­tes, per­fi­lam-se na li­nha de par­ti­da. Pa­ra es­tes, o tí­tu­lo não de­ve es­ca­par, mes­mo ci­en­tes da lu­ta que pa­ra tan­to de­vem tra­var. Pre­vê-se, re­al­men­te, uma ba­ta­lha sem quar­tel.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.